X

Saúde

Neurologista ensina como amenizar a tontura da ressaca com um ingrediente apenas

Bebeu muito durante o Carnaval, aproveite a Quarta de Cinzas para curar a bebedeira com uma dica de especialista

Da Reportagem

Publicado em 22/02/2023 às 13:41

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

O que resolve a ressaca mais rápido é água, hidratação / Divulgação

O Carnaval ainda não acabou! As pessoas querem mais é se divertir e cair na folia o mês todo. Muitos exageram e acabam bebendo mais do que devem e só no dia seguinte vão perceber que passaram dos limites com as bebidas alcoólicas. A danada da ressaca chega com tudo, inclusive nesta Quarta-Feira de Cinzas!

Dr. Saulo Nader, neurologista, apelidado carinhosamente pelos internautas e pacientes como Doutor Tontura, faz um alerta e dá dicas importantes para curtir qualquer comemoração o ano todo sem se arrepender no dia seguinte!

O neurologista explica que quando se analisa a ressaca, os sintomas entram no grupo intitulado de "Tontura de Origem Clínica" e por traz dessa intoxicação o organismo inteiro fica ruim, quem já passou por isso sabe que além de dor e mal-estar na cabeça, sente sensação de náusea e corpo fraco, por exemplo.

A intoxicação pelo álcool vem uma grande curiosidade também. Nader explica que quando ingerimos a bebida alcoólica, o etanol que é metabolizado no fígado entra no corpo e promove os efeitos neurológicos: fala mole, desequilíbrio, a pessoa fica mais eufórica no começo e depois fica mais deprimida (fase aguda).

"Passando pelo fígado, o etanol produz uma substância que é tóxica para o corpo chamada acetaldeído, responsável por esses sintomas da ressaca, isto é o álcool do dia anterior, sabia? A pessoa chega e pergunta: Doutor, bebi muito na noite passada, acordei com tontura, dor de cabeça, mal-estar, o que eu faço para passar a ressaca?", comenta o neurologista.

Dr. Saulo enfatiza que não existe fórmula mágica para curar ressaca. Não adianta fazer simpatias, seguir receitas caseiras, chás tipo boldo, mistura de café com outros ingredientes, não há nenhuma comprovação apenas efeito placebo. O que resolve a ressaca mais rápido é água, hidratação.

"A lógica é bem simples, se estou muito hidratado, se eu bebo bastante líquido, aumento o volume de sangue, diluo essa substância tóxica e ajudo meu fígado a metabolizar mais rápido o etanol e eliminá-lo". sintetiza Dr. Saulo. Assim, se a pessoa vai beber um pouco mais, já deve se preparar para minimizar os efeitos da ressaca.

Dr. Saulo fala ainda da importância de intercalar as doses de bebida alcoólica, com outras bebidas que hidratem, como um copo de água, refrigerante, suco, chá gelado, Gatorade. A pessoa se manterá hidratada e os efeitos da ressaca serão menores.

Segundo o especialista, é recomendável também, após o período de consumo de bebidas, tomar algum analgésico pra dor de cabeça e remédio pra enjoo que seja de confiança da pessoa e que não dê efeito colateral ou alergia, vale sempre antes consultar o médico, nunca se automedique. Alerta bebida e remédio não combinam e podem causar muitos efeitos colaterais.

No dia seguinte, vale o mesmo processo: consumir bastante água e tomar os remedinhos que ajudam a passar os sintomas e recuperar mais rápido o equilíbrio.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Confira o resultado da Lotofácil no concurso 3115, nesta terça (28)

O prêmio é de R$ 1.700.000,00

Cotidiano

Confira o resultado do Timemania no concurso 2098, nesta terça (28)

O prêmio é de R$ 3.000.000,00

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter