X

Crítica

O maior escândalo foi este filme ter sido esquecido do Oscar 2024

Com Natalie Portman e Julianne Moore, 'Segredos de Um Escândalo' foi um dos grandes injustiçados da premiação

Gabriel Fernandes

Publicado em 19/02/2024 às 08:30

Atualizado em 19/02/2024 às 17:19

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

As vencedoras do Oscar, Natalie Portman e Julianne Moore, em cena do filme 'Segredos de Um Escândalo' / Diamond Films/Divulgação

Sem dúvidas estamos falando de um dos mais injustiçados filmes nesta edição do Oscar 2024, pois no mínimo deveria ter figurado entre os selecionados na categoria principal e não apenas em roteiro original. Depois de ter trabalhado com Julianne Moore em "O Mal do Século" e "Longe do Paraíso", o cineasta Todd Haynes repete a parceria com ela no suspense dramático "Segredos de Um Escândalo". O enredo é levemente inspirado em uma história real, um tanto quanto bizarra. Uma mulher de 36 anos que se apaixonou por um menino de 12 anos, que chegou a engravidar dele, e após cumprir pena na prisão se casou com o próprio.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Bebendo bastante desta fonte, a trama acompanha a atriz Elizabeth (Natalie Portman) que irá realizar um filme sobre a vida de Gracie (Moore), que se envolveu romanticamente com Joe (Charles Melton) quando ele tinha 13 anos. Casados e com filhos que estão prestes a irem para faculdade, ela começa a estudar a vida do casal diariamente e descobre que existem coisas muito mais perturbadoras do que pensava.

Haynes sabe que está lidando com uma história pesada e polêmica, por isso é nítido o enorme cuidado e direção que ele toma em algumas horas. Tanto que o roteiro de Samy Burch (cuja indicação ao Oscar foi merecida) procura estabelecer um arco beirando mais para o suspense psicológico, ao invés do drama. Nas mãos erradas a narrativa poderia cair em dois contextos banais e deploráveis, que são a novela mexicana e a pornochanchada. Felizmente, isso não ocorre.

Isso acaba funcionando, em grande parte, pela naturalidade colocada nas atuações de Portman, Moore e Melton (que sofreram uma grande injustiça, por não serem indicados ao Oscar 2024). Existe uma química entre este trio, que vai muito além do que é mostrado, uma vez que o próprio diretor é breve ao explanar isso. Inclusive, não duvido que estas performances sejam estudadas em faculdades e cursos de psicologia, futuramente.

Intermediando com a sutileza na direção, que sempre fez questão de colocar enquadramentos entre Elizabeth e Gracie, para simbolizar que ambas estavam com uma divisória entre elas (que era o próprio Joe), pelas quais aos poucos começamos a entrar na mente de cada um dos personagens. Não entrarei em spoilers, mas os detalhes em algumas cenas que parecem banais refletem o que realmente está acontecendo.

Outro destaque é a fotografia de Christopher Blauvelt ("First Cow"), que transparece a sensação de estarmos vendo uma produção dos anos 90/2000, por conta das tonalidades acinzentadas e os filtros que se assemelham a gravação ter sido feita com câmeras Panavision (que eram usadas no passado, nas produções cinematográficas).

Inclusive, a cereja no bolo desta produção é a trilha sonora de Marcelo Zarvos, que não aparece para exemplificar o óbvio, mas sim casar com as emoções mais profundas dos personagens. Um mero exemplo é quando Elizabeth vai realizar uma oficina de estudo no aquário onde Gracie e Joe tiveram seu caso no passado. Neste arco, cada nota extravasava uma passagem de sentimento entre o trio.

"Segredos de um Escândalo" é um retrato audacioso, corajoso e reflexivo, que por conta do talento dos envolvidos, consegue ser um ótimo suspense dramático.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Praia Grande tem novos pontos com radares e lombadas eletrônicas; veja onde

A velocidade máxima permitida nas lombadas eletrônicas será de 40km/h e nos radares de 60km/h

ESPORTE REGIONAL

Portuários Stadium reúne crianças e adolescentes com o ThaiKids em Santos

Evento acontece no próximo dia 27

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter