Automotor

Picape Jeep Gladiator chega ao Brasil

Picape Jeep Gladiator desembarca no Brasil com a missão de inaugurar um novo patamar no off-road

Daniel Dias, da AutoMotrix

Publicado em 14/08/2022 às 08:40

Comentar:

Compartilhe:

Ao lado do Wrangler, a picape Gladiator é o veículo com a maior capacidade off-road da Jeep / Divulgação

Teria de vir da Jeep a maior revolução na proposta off-road das picapes. Com capacidade para o fora-de-estrada só encontrada no “irmão” Wrangler – o Jeep mais radical da companhia –, a Gladiator desembarca no Brasil na configuração topo de linha Rubicon. Estreante nos Estados Unidos em 2019 e produzida em Toledo (Ohio), a “casa da Jeep”, a Gladiator chega ao mercado brasileiro com preço de R$ 499.990 – o valor sobe para R$ 515.913 no Estado de São Paulo, por conta das tarifas estaduais mais elevadas. Até o final deste ano, virá para o Brasil um lote de 300 unidades, dividido em 120 já à venda nos principais pontos do país (um em cada concessionária), 60 que chegarão até o final de setembro, mais 60 até 30 de novembro e outros 60 até 30 de dezembro. Mas a Stellantis abre a possibilidade de mais unidades serem importadas conforme o comportamento do mercado brasileiro em torno da Gladiator. “Oferecemos aos clientes brasileiros a picape mais capaz já produzida pela marca. Uma picape que carrega toda autenticidade da Jeep e completará uma gama de veículos que já nos coloca em uma posição de destaque no mercado brasileiro. A Gladiator Rubicon é uma picape que chega para redefinir o segmento, trazendo tecnologias inéditas ao Brasil”, comemora Everton Kurdejak, vice-presidente Sênior de Operações Comerciais da Jeep para o Brasil.

Além da opção pela versão topo de linha da Gladiator para o mercado nacional, a Jeep tomou a decisão de equipá-la com o motor 3.6 V6 a gasolina, capaz de gerar 284 cavalos de potência a 6.400 rotações por minuto e 35,3 kgfm de torque a partir de 4.100 giros, acoplado ao câmbio automático de 8 marchas. De acordo com a Jeep, essa configuração garante uma aceleração de zero a 100 km/h em 8,1 segundos e velocidade máxima de 156 km/h. Pelo Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV), o ciclo urbano de consumo da picape da Jepp é de 6,5 km/l e o de estrada, de 7,4 km/l. A Gladiator Rubicon agrega mais de 70 itens de segurança, incluindo piloto automático adaptativo, monitoramento de pontos cegos, aviso de colisão frontal com frenagem de emergência, detector de tráfego cruzado, controle de estabilidade e tração com assistente de partida em rampa, sensor de estacionamento traseiro e airbags frontais e laterais. O modelo ainda pode ser “aditivado” por 72 itens de personalização da Mopar.

A nova picape do mercado brasileiro traz consigo uma elevada capacidade de transpor obstáculos devido a um conjunto de componentes e tecnologias. Tudo se inicia pela tração integral com relação reduzida 4:1 e o “crawl ratio” de 77:1. Ou seja, com 77 giros no motor para cada um dos eixos Dana 44, a Gladiator tem mais que o dobro de capacidade reduzida em relação a qualquer outra picape média do mercado brasileiro. O “crawl ratio” permite que a Gladiator entregue o máximo de força em baixa velocidade, aumentando a quantidade de torque disponível nas rodas. A “ostentação” fora-de-estrada do modelo da Jeep continua no bloqueio eletrônico dos diferenciais “Tru-Lok”. Esse recurso trava mecanicamente os eixos fazendo com que ambas as rodas tracionem na mesma velocidade, evitando o giro em falso das outras, eventualmente, sem contato com o solo, para superar os mais difíceis obstáculos. A versão Rubicon oferece duas maneiras de aumentar a direção: bloqueando apenas o eixo traseiro ou os dois em conjunto. O eixo de trás pode ainda ser travado no modo 4HI, para uso em velocidades altas em terrenos de baixo atrito, especialmente em dunas.

Para obstáculos ainda mais desafiadores, a Gladiator oferece a desconexão da barra estabilizadora dianteira, feita eletronicamente pelo botão “Sway Bar”, que faz crescer a articulação da suspensão em mais 30%, mantendo as duas rodas em contato com o solo, garantindo maior capacidade de tração. Uma novidade que chegou ao Brasil na versão 2022 do Wrangler é o Sistema Off-Road+. O dispositivo também está na Gladiator e, quando ativado, ajusta automaticamente a picape para as condições do terreno, atuando nos principais sistemas do veículo, como acelerador, controle Select-Speed e de tração e trocas de marchas. Se habilitado em “4-HI”, ele adapta a operação para velocidades mais altas. Em “4-LO”, ajusta a ação para um off-road de baixa velocidade, indicado para terrenos com muitas pedras. Exclusiva no segmento, a câmera frontal Off-Road TrailCam tem linhas de grade que exibem o caminho à frente dos pneus, dando ao motorista a possibilidade de encarar qualquer obstáculo. Para melhorar a experiência, um esguicho integrado limpa respingos de lama na câmera, com o simples toque de um botão. A câmera off-road também estreou no Brasil com o Wrangler. 

A capacidade “Trailrated” é item de série na Gladiator Rubicon. Para ganhar esse selo, um veículo deve provar sua capacidade de resistir a um off-road poderoso. A avaliação é feita em cinco categorias: Submersão, Articulação, Barra Estabilizadora, Altura em Relação ao Solo e Manobrabilidade. Todas elas estão bem representadas na Gladiator. A tração integral com caixa de transferência tem cinco posições e capacidade de submersão de até 76 centímetros. Os eixos rígidos proporcionam um nível elevado de articulação mantendo sempre os quatro pneus no solo, quando não é o caso de enfrentar crateras ou rochas. A desconexão da barra estabilizadora dianteira aumenta o nível de articulação. Os 27 centímetros de distância em relação ao solo asseguram a ultrapassagem de obstáculos com facilidade. E a direção precisa e a distância de entre-eixos otimizada habilitam a picape para contornar vias estreitas e “serpentear” em torno de pedras, troncos e lugares mais apertados.

A Gladiator Rubicon acrescenta aos equipamentos para o off-road o chamado “Rock Rails”, trilhos de aço que protegem a cabine de roda a roda. Típica necessidade do fora-de-estrada, os ganchos de reboque dianteiro e traseiro socorrem veículos com menor capacidade em dificuldades em terrenos complicados. As “Off-Road Pages” acessam em tempo real os dados de desempenho para viabilizar uma experiência mais segura durante as aventuras, como inclinação lateral e vertical, altitude, coordenadas e temperatura da transmissão. Os eixos Dana 44 contam com tubos extra-robustos e forjados para mais resistência, rigidez e durabilidade, enquanto placas de aço ajudam a proteger o cárter, a transmissão, o tanque de combustível e a caixa de transferência.

Jeep Gladiator
(Divulgação)

Radical chique
A versão Rubicon e o selo “Trailrated” conferem à Gladiator vendida no Brasil as credenciais de veículo com potencial off-road extremo. A denominação Rubicon é adotada desde o Wrangler TJ, lançado em 1997, em homenagem à “Rubicon Trail”, uma trilha localizada na Califórnia, com aproximadamente 35 quilômetros de extensão. Devido às condições rochosas e clima adverso, é considerada uma das pistas mais técnicas de condução off-road do mundo e é utilizada para testes dos veículos que pretendem ter o “Trailrated”. A Gladiator oferece uma experiência conversível, singular no segmento de picapes – as portas e o teto são removíveis, enquanto o para-brisa, feito com moldura de alumínio, pode ser rebatido. Para isso, basta dobrar as alças e prendê-lo nos ganchos do capô. A picape não perde em segurança quando “depenada”, pois barras duplas de aço colocadas no lugar das portas preservam o motorista e demais ocupantes. 

O interior da Gladiator – totalmente lavável na parte inferior pois conta com “ralos” de escoamento da água – contrasta com o visual externo, entrando em um mundo moderno com conforto, comodidade e entretenimento. A tecnologia está presente em todos os aspectos, como no assistente de voz (“hands free”), ar-condicionado digital automático de duas zonas, chave presencial com partida remota, câmera de ré, navegação por GPS e monitoramento da pressão dos pneus. O sistema de infoentretenimento conta com a multimídia Uconnect de 8,4 polegadas com espelhamento para Apple CarPlay e Android Auto, quadro de instrumentos digital de 7 polegadas, conectores USB do tipo A e C, sistema de áudio premium Alpine com nove alto-falantes, barra de som traseira fixadas na estrutura do teto, subwoofer e amplificador de 552 Watts. “De quebra”, a Gladiator traz uma caixa de som portátil Bluetooth bem resistente, que fica escondida atrás do banco traseiro. Botões permitem o controle de volume, reprodução, pausa e emparelhamento. Dotada de porta de carregamento USB e entrada de cabo auxiliar, a caixa portátil resiste tanto à poeira quanto à água – e opera mesmo longe da “nave-mãe”.   

Jeep Gladiator
(Divulgação)

Ficha técnica
Jeep Gladiator Rubicon 3.6 V6 AT8

Motor: 3.6 V6 Pentastar
Potência: 284 cavalos (209 kW) a 6.400 rpm
Torque: 35,3 kgfm a 4.100 rpm
Transmissão: automática de 8 marchas
Tração: 4x4 com reduzida, bloqueio eletrônico do diferencial e do eixo traseiro, off-road plus
Freios: disco ventilado na dianteira e sólido na traseira, ABS, pinça flutuante de pistão duplo na frente
Direção: assistência eletro-hidráulica power
Suspensão: dianteira e traseira five-link com eixo sólido heady duty Dana 44 de terceira geração de 210 mm na frente e de 220 mm atrás, amortecedores monotubo de alumínio
Rodas e pneus: 17x7.5 Black Alum Wheels, 245/75 R17, com pneus de uso misto
Dimensões: 5,59 metros de comprimento, 1,89 metro de largura, 1,90 metro de altura, 3,48 metros de entre-eixos
Peso em ordem de marcha: 2.261 quilos
Tanque de combustível (gasolina): 83 litros
Capacidade da caçamba: mil litros (674 quilos)
Reboque: 3.138 quilos
Ângulo de ataque: 43 graus
Ângulo de saída: 26 graus
Altura em relação ao solo: 27 centímetros
Capacidade de submersão: 76 centímetros
Preço: R$ 499.990 (R$ 515.913 para o Estado de São Paulo)

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Capital

PM atende uma das maiores ocorrências da história e apreende milhões de cigarros

No total, foram apreendidos cerca de 11,8 milhões de cigarros contrabandeados, divididos em três marcas diferentes

Itanhaém

Livro 'Encantamento' é lançado em Itanhaém

Diversos autores e o público em geral prestigiaram o lançamento do livro na Biblioteca Municipal, na noite de quinta-feira (11)

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter