X
Turismo

Feriado deve trazer mais de 360 mil turistas a Santos

A concessionária responsável pelas vias da Região esperam a descida de até 410 mil veículos

A expectativa do fluxo de turistas em Santos é positiva para o feriadão da Independência / Divulgação/PMS

A expectativa do fluxo de turistas em Santos é positiva para o feriadão da Independência. Estimativa da Seção de Pesquisa Turística, da Secretaria de Empreendedorismo, Economia Criativa e Turismo (Seectur) aponta que são esperados na Cidade até 369 mil visitantes.

O número é calculado com base nos veículos esperados no Sistema Anchieta Imigrantes (conforme a concessionária Ecovias, devem descer a serra para o feriado entre 265 mil e 410 mil veículos).

De acordo com a secretária de Empreendedorismo, Economia Criativa e Turismo de Santos, Selley Storino, a expectativa é positiva para o feriado em Santos, sobretudo com a aceleração na vacinação e a baixa ocupação das UTIs covid-19. "A Prefeitura está trabalhando em parceria com atrações turísticas, comércios, hotéis etc. para que nossos turistas sejam bem recebidos e aproveitem estes dias com respeito a todos os protocolos de prevenção ao novo coronavírus". 

 

REDE HOTELEIRA

Entre os hotéis de Santos, as reservas já realizadas até essa quinta-feira (2) indicam que ultrapassará 76% a taxa média de ocupação durante o pico do feriado (sábado e domingo).

Para os quatro dias de feriado, a média de ocupação deve circular em torno de 51%. O levantamento é realizado com 14 hotéis da Cidade (um total de 1.809 apartamentos).

"Sabemos que muitas vezes as pessoas deixam as reservas para última hora, aguardando a confirmação de tempo bom ou outros fatores pessoais, mas podemos dizer que esse feriado já é o início da recuperação prevista para setembro, culminando em uma grande temporada", destaca Heitor Gonzalez, presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares da Baixada Santista e Vale do Ribeira. 

Ainda de acordo com Gonzalez, as viagens de curta distância devem ser a principal opção dos turistas este ano e a Baixada Santista será um dos principais destinos. "A tendência é que as pessoas apostem em viagens de carro, com no máximo três horas até o destino, evitando longas distâncias, aeroportos e voos, por exemplo. Nossa expectativa é de que a movimentação venha numa crescente até dezembro e janeiro, inclusive alguns estabelecimentos já estão procurando novos colaboradores para a temporada", acrescenta.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Dois PMs morrem com suspeita de febre maculosa durante curso

Vítimas eram instrutores da COPC, que teve uma fase de curso em área de mata. Casos seguem em análise pela Fiocruz

Se já estava ruim, vai piorar! Petrobras anuncia novo aumento nas refinarias

Reajuste passa a valer nesta terça-feira (26) para gasolina e diesel

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software