Transporte público volta ao normal em Cubatão

Translíder, funcionários e Prefeitura de Cubatão entram em acordo e ônibus retornam às ruas

Comentar
Compartilhar
15 NOV 201214h42

A greve acabou. Os funcionários da Translíder, empresa responsável do transporte público de Cubatão, retornam nesta quinta-feira (15) aos postos de trabalho. O acordo inicial aconteceu durante reunião de conciliação entre a empresa e o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários (SindRod), no Tribunal Regional do Trabalho (TRT). Desde às 4 horas da manhã, os funcionários normalizaram o transporte coletivo de passageiros e o transporte escolar na Cidade.

A empresa se comprometeu em pagar a receita até sexta-feira (16). Segundo a assessoria do sindicato, a Translíder efetuou o depósito ontem mesmo e hoje os salários já estariam nas contas dos funcionários.
 
Além disso, o SindRod afirma que a empresa se comprometeu a depositar  também um acréscimo de 2% em cima do valor de cada salário. O adicional seria por conta dos juros que serão cobrados nas contas atrasadas que os funcionários terão que pagar. Além disso, a empresa garantiu que os dias parados não serão descontados e os funcionários têm dois meses de estabilidade no emprego.
 
Desde a última segunda-feira, funcionários paralisaram o serviço de transporte público e escolar (Foto: Matheus Tagé/DL)
 
Prefeitura
 
Segundo nota da assessoria da Prefeitura, com relação aos repasses previstos à empresa, serão retomadas as negociações na próxima semana. Segundo a assessoria do sindicato, a empresa garantiu que há uma dívida de R$ 4,5 milhões entre a Translíder e a Administração, que se comprometeu a pagar este valor parceladamente. A Prefeitura afirmou ainda que a análise do pedido de liminar contra a empresa está, provisoriamente, suspensa.

Colunas

Contraponto