Sindicalistas portuários chamam atenção para exposição

O estande da exposição exibia uma faixa com os dizeres: “investem milhões em modernização e zero em segurança. Autoridades, de quem é a culpa?”

Comentar
Compartilhar
03 MAR 201318h31

Sindicalistas portuários se reuniram ao meio dia de ontem, na Praça Mauá, em Santos, para divulgar a exposição de fotos ‘Morte Anunciada’, que alerta para os riscos que correm os trabalhadores portuários, em área de cais. O estande da exposição exibia uma faixa com os dizeres: “investem milhões em modernização e zero em segurança. Autoridades, de quem é a culpa?”.

A mostra reúne fotos de acidentes de trabalho, flagrantes de fatores de risco, falta de infra-estrutura como vestiários e sanitários precários, além de fotos dos últimos três trabalhadores que morreram este ano, no porto de Santos.

Segundo um dos diretores do Sindicato dos Estivadores (Sindestiva), Rui Salomão, a idéia é levar a exposição para as cidades de São Vicente, Guarujá e Cubatão e também para as universidades da Região.

A exposição encerrou ontem, na Praça Mauá, mas pode ser vista de hoje a segunda-feira, na Praça das Bandeiras, no Gonzaga. Compareceram à Praça Mauá, ontem, os presidentes Robson Apolinário (Sintraport), Adílson de Souza (Consertadores), Valdir Pestana (Rodoviários), além dos vereadores santistas Manoel Constantino e Jorge Vieira da Silva Filho, o Carabina.