Petroleiros tentam barrar leilão no RJ

Dia promete ser tenso para petroleiros que vão tentar barrar leilão do pré-sal no campo de Libra, no Rio

Comentar
Compartilhar
21 OUT 201310h25

Trabalhadores petroleiros de todo País prometem intensa mobilização hoje, para tentar barrar o leilão do pré-sal no campo de Libra (RJ) Em greve desde a última quinta-feira contra o leilão e também por reajuste salarial, cerca de mil petroleiros vão se concentrar hoje no Rio de Janeiro.

O Governo Federal, por sua vez, vai manter forte esquema de segurança, inclusive com a utilização do exército para garantir a segurança nas proximidades do hotel onde será realizado o leilão.

A juíza federal Carla Cristina de Oliveira Meira, substituta da 21ª Vara Federal Cível em São Paulo/SP indeferiu, no início da noite de sexta-feira, o pedido de liminar em ação popular que pleiteava a nulidade do edital de leilão do pré-sal no campo de Libra.

Como a decisão é apenas em caráter liminar, a magistrada determinou que a Comissão Especial de Licitação torne pública aos participantes e concorrentes do certame o ajuizamento desta ação, para que não haja eventuais prejuízos ao vencedor, caso a juíza reconheça a nulidade do edital, posteriormente, em sentença.

Categoria na Baixada Santista estará com suas atenções voltadas para o RJ (Foto: Matheus Tagé/DL)

Na Baixada Santista, petroleiros mantêm a paralisação na Refinaria Presidente Bernardes de Cubatão e demais unidades da região e estarão com suas atenções voltadas para o Rio de Janeiro.