Nível de emprego em janeiro confirma recuperação do setor, avalia IBGE

A evolução do nível de emprego industrial em janeiro confirma a manutenção da trajetória de recuperação do setor observada nos últimos meses

Comentar
Compartilhar
18 JAN 201309h00

A avaliação é do economista André Macedo, da Coordenação de Indústria do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O nível de emprego no setor subiu 0,3% em janeiro na comparação com dezembro do ano passado. Segundo Macedo, embora na comparação com janeiro de 2008 o emprego na indústria tenha apresentado queda de 1,1%, essa retração é a menor desde dezembro de 2008.

Os dados foram divulgados na última sexta-feira pelo IBGE. “Os resultados de janeiro apontam uma desaceleração no ritmo de perdas, que vêm reduzindo sua intensidade a partir do segundo semestre de 2009. Quando fazemos as análises regionais e setoriais, verificamos que ainda há predominância de resultados negativos, mas eles estão perdendo força e alguns locais chegam até apresentar alta nas contratações”, explicou.

De acordo com o economista, esse é o caso do Nordeste, onde houve expansão de 2,0% no total de pessoal ocupado, além de estados da região como o Ceará (6,0%), Pernambuco (3,4%) e a Bahia (2,9%).

“Esses locais têm como característica a produção industrial voltada em grande parte para o mercado interno, como de calçados e de alimentos. E é o mercado interno que tem sustentado a recuperação da economia e garantido resultados positivos nessas regiões”, acrescentou.

Conforme o levantamento, em relação a janeiro de 2009, as demissões superaram as contratações em 10 dos 14 locais pesquisados e em 13 dos 18 ramos industriais.