Greve na zona oeste de SP paralisa 52 linhas de ônibus

Por conta da falta de pagamento de horas extras, motoristas e cobradores da Viação Transpass entraram em greve nesta terça-feira (22).

Comentar
Compartilhar
22 JAN 201311h08

Motoristas e cobradores de duas garagens da Viação Transpass, na zona oeste da capital paulista, entraram em greve na madrugada desta terça-feira (22) em protesto contra a falta de pagamento de hora extra.

A SPTrans, empresa que gerencia o transporte público sobre rodas na cidade de São Paulo, acionou, a partir das 3h30, o Plano de Atendimento entre Empresas em Situação de Emergência (Paese), a fim de tentar diminuir os transtornos aos passageiros.

A frota total das duas garagens da Viação Transpass é de 366 ônibus que atendem 52 linhas. O Paese está atendendo as 35 linhas de maior demanda com uma frota de 225 ônibus.

Os bairros atendidos pela Viação Transpass são Jardim Educandário, Jardim Maria Luiza, Cohab Educandário, Cohab Raposo Tavares, Vila Sônia, Butantã, Lapa, Barra Funda e Centro. A SPTrans está monitorando a região e orientando os passageiros, de acordo com a assessoria de imprensa do órgão.

 Motoristas e cobradores de ônibus da Transpass realizam uma greve na manhã desta terça-feira (22), em São Paulo. (Foto: Marcos Bezerra/ Futura Press)