Dia de luta mobiliza aposentados

Entidades distribuíram panfletos pedindo apoio da população para a recomposição das perdas nos benefícios e também para o fim do fator previdenciário e aprovação da desaposentção

Comentar
Compartilhar
21 MAR 201411h01

Aposentados de todo País se mobilizaram ontem no Dia Nacional de Luta da categoria. Entidades distribuíram panfletos pedindo apoio da população para a recomposição das perdas nos benefícios e também para o fim do fator previdenciário e aprovação da desaposentção, que tramita tanto no Congresso Nacional quanto no STF.

No Supremo, existem duas ações pedindo o benefício aos aposentados e uma delas deve ir à julgamento em abril.

Autor do projeto de lei do senado 91/2010, que institui a desaposentação, o senador Paulo Paim (PT-RS) voltou a defender em Plenário, nesta quarta-feira, 19, a aprovação do projeto no Senado Federal.

Bandeira de luta da Confederação Brasileira dos Aposentados (Cobap), a desaposentação permite a renúncia à aposentadoria para recálculo do benefício e assim possibilita o aposentado que voltou à ativa a somar o tempo de contribuição ao cálculo para garantir um benefício maior. Como grande número de aposentados têm conquistado o recálculo na justiça, a proposta também é avaliada pelo STF.

“A assessoria jurídica da Cobap acompanha o andamento do processo no STF e tem obtido avanços. Em breve a proposta deverá ser votada também no Supremo.”, avaliou o presidente da entidade, Warley Martins.

No Senado, o autor do projeto, Paulo Paim, acredita que a proposta será votada nos próximos meses.