Aposentados emprestaram R$ 2,8 bilhões do consignado em outubro

Informação foi dada hoje à tarde pelo Ministério da Previdência Social. Crescimento em 1 ano foi de 33,88%

Comentar
Compartilhar
29 NOV 201218h00

As operações de crédito consignado realizadas por aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) totalizaram R$ 2,838 bilhões em outubro de 2012. Em valores nominais (isto é, sem considerar a inflação) o resultado foi 33,88% superior ao mesmo período de 2011, quando foram liberados R$ 2,120 bilhões. Em relação a setembro de 2012, quando foi registrado R$ 1,981 bilhão, houve aumento de 43,26%.

Em número de operações, outubro de 2012 registrou 768.053 contratos, número 38,36% superior ao de setembro de 2012, quando 555.119 contratos foram efetivados. Comparando com o mesmo mês de 2011, houve aumento de 12,30%. Em outubro de 2011, a quantidade de operações correspondeu a 683.921 contratos.

Ao se considerar a margem consignável para empréstimos de até 30% da remuneração líquida dos aposentados e pensionistas, ou de até 10% exclusiva para a modalidade cartão de crédito (cujos juros costumam ser mais altos), nos primeiros dez meses de 2012, os valores consignados por meio de empréstimo pessoal representaram a quase totalidade das operações de crédito.

Empréstimo pessoal

Nessa modalidade, em outubro de 2012 foi emprestado R$ 2,834 bilhões em 766.327 contratos efetivados. A soma dos recursos ficou 33,87% acima do registrado em igual mês do ano anterior, quando foram contratados R$ 2,117 bilhões.

As operações de crédito consignado realizadas por aposentados e pensionistas INSS totalizaram R$ 2,838 bilhões em outubro (Foto: Matheus Tagé)

Colunas

Contraponto