Sumaré-SP confirma duas mortes por dengue em março

As confirmações de causa das mortes foram entregues nesta segunda-feira, 31, pelo Instituto Adolfo Lutz para a prefeitura. As mortes ocorreram nos dias 7 e 8 de março

Comentar
Compartilhar
01 ABR 201412h29

A prefeitura de Sumaré, no Estado de São Paulo, confirmou a morte de duas pessoas por causa da dengue. As vítimas são um bebê de 2 meses e uma mulher de 53 anos que morreram em março. Um terceiro caso está em investigação.

As confirmações de causa das mortes foram entregues nesta segunda-feira, 31, pelo Instituto Adolfo Lutz para a prefeitura. As mortes ocorreram nos dias 7 e 8 de março. O terceiro caso de suspeita de dengue hemorrágica foi a morte de uma mulher de 24 anos no dia 28.

Sumaré já confirmou 337 casos de dengue na cidade desde o início do ano. Outros 934 estão em investigação. Desde 1997, quando foi registrado o primeiro caso de dengue na cidade, foram registradas 5 mortes.

Em 2007, a cidade registrou o maior número de casos de dengue da história, foram 3.699 casos confirmados pela Vigilância Epidemiológica. Em Campinas, um caso de morte está em investigação.

A prefeitura de Sumaré confirmou a morte de duas pessoas por causa da dengue (Foto: Divulgação)

Até agora são 1.042 casos da doença confirmados na cidade.