SEDUC

SP está entre os estados em que os casos de dengue aumentaram

Segundo a prefeitura da cidade de São Paulo, o número de suspeitas em janeiro de 2015 aumentou em cerca de 276%, quando comparado ao mesmo período do ano anterior

Comentar
Compartilhar
11 FEV 201516h39

Segundo o Boletim Epidemiológico, divulgado pelo Sistema Único de Saúde – SUS, do início de 2014 até o dia 3 de janeiro de 2015 foram registrados 591.080 casos prováveis de dengue no país. A região sudeste foi a que mais apresentou infectados, com 52,8% das suspeitas. De forma geral, houve redução em 59,3% do número de casos no país. No entanto, três estados contrariaram a tendência: Acre, Alagoas e São Paulo.

Segundo a prefeitura da cidade de São Paulo, o número de suspeitas em janeiro de 2015 aumentou em cerca de 276%, quando comparado ao mesmo período do ano anterior. Os casos confirmados aumentaram em proporção semelhante, passando de 45 para 120.

O cenário mais preocupante, no entanto, é no município de Sorocaba. Desde o início do ano, a cidade já documentou 864 ocorrências da doença. A prefeitura anunciou estado de emergência, uma vez que o número é o dobro de casos registrados no ano de 2014 inteiro.


A região sudeste foi a que mais apresentou infectados, com 52,8% das suspeitas (Foto: Divulgação)

O infectologista e professor do curso de Medicina da Faculdade Santa Marcelina – FASM, Guilherme Bianco, está à disposição para análises sobre o tema. Para entrevistá-lo, entre em contato com Ana Claudia Bellintane ou Luísa Marchiori pelo telefone (11) 3675 5444 ou pelos e-mails [email protected] ou [email protected]