Santos já vacinou mais de 3,5 mil adolescentes contra o HPV

A Secretaria Municipal de Saúde já contabilizou 3.568 meninas de 11 a 13 anos vacinadas contra o HPV (papilomavírus humano).

Comentar
Compartilhar
26 MAR 201411h21

A Secretaria Municipal de Saúde já contabilizou 3.568 meninas de 11 a 13 anos vacinadas contra o HPV (papilomavírus humano), sendo que 3.562 tomaram a primeira dose (as demais foram de segunda e terceira doses, de meninas que já haviam tomado a primeira na rede particular e agora podem usar o serviço incorporado ao calendário do Ministério da Saúde). O objetivo da prefeitura é imunizar 100% das adolescentes nessa faixa etária (7832), embora a meta estipulada pelo Ministério seja de 80%, o que corresponde a 6.265.
A campanha segue em todas as unidades básicas e de saúde da família dos bairros, de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h. É recomendável, mas não obrigatório, que a menina esteja acompanhada por um responsável, e leve a carteirinha de vacinação. É preciso apresentar documento de identidade. A vacina é aplicada em três doses, sendo a segunda seis meses após a primeira, e a terceira, cinco anos após a primeira.

O objetivo da prefeitura é imunizar 100% das adolescentes nessa faixa etária (7832), embora a meta estipulada pelo Ministério seja de 80%, o que corresponde a 6.265

O câncer de colo de útero está diretamente ligado à infecção por HPV, por isso a decisão neste primeiro momento por vacinar o público feminino, preferencialmente antes da iniciação sexual, uma vez que a transmissão é via sexual. O câncer de colo de útero é a quarta causa de morte por neoplasias entre as mulheres no Brasil.


Foto: Francisco Arrais