Banner gripe

Santa Casa receberá equipamentos nas áreas de cardiologia e traumatologia

A Prefeitura de Santos investirá em novos equipamentos visando ampliar o atendimento ao SUS (Sistema Único de Saúde).

Comentar
Compartilhar
28 NOV 201218h16

A Santa Casa de Santos receberá novos equipamentos nas áreas de cardiologia e traumatologia da Prefeitura de Santos, que visa ampliar o atendimento ao SUS (Sistema Único de Saúde).

Oriunda da parte que compete ao município no Fundo Metropolitano, a verba de R$ 2 milhões teve sua destinação aprovada pelo Condesb (Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Baixada Santista), durante reunião realizada nesta terça-feira (27), em São Vicente.
 
Os recursos possibilitarão a compra de três equipamentos: hemodinâmica e ecocardiógrafo, destinados ao atendimento de urgência e emergência, principalmente para pacientes com infarto; e arco cirúrgico, usado em cirurgias ortopédicas.
 
Todos serão utilizados exclusivamente para o atendimento ao SUS, com a coordenação da central de vagas da prefeitura. A licitação ficará a cargo da administração municipal, que fará termo de cessão à entidade.
 
Segundo o prefeito João Paulo Tavares Papa, o investimento resultará em benefício à população de toda a Baixada Santista, uma vez que a instituição presta serviço público e metropolitano. “São equipamentos de ponta que trarão mais agilidade, eficiência e capacidade de atendimento em duas especialidades essenciais”.
 
Após exposição da Câmara Temática Especial de Políticas para as Mulheres, Papa também defendeu a criação de uma casa metropolitana de acolhimento para as vítimas de violência doméstica. Na região, somente Santos e Guarujá possuem este tipo de unidade.

Todos serão utilizados exclusivamente para o atendimento ao SUS (Foto: Anderson Bianchi/Divulgação)

Colunas

Contraponto