X

Saúde

OMS: erradicar a pólio será maior conquista da história da humanidade

De acordo com a OMS, se não fossem os esforços para acabar com a doença, mais de 17 milhões de pessoas que hoje podem caminhar teriam os membros paralisados

Agência Brasil

Publicado em 24/10/2018 às 18:20

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Em 1988, a poliomielite era endêmica em 125 países, contra apenas três em 2018 / Agência Brasil

No Dia Mundial da Pólio, lembrado hoje (24), a Organização Mundial da Saúde (OMS) destacou o avanço no combate à doença, também conhecida como paralisia infantil. Em 1988, a poliomielite era endêmica em 125 países, contra apenas três em 2018: Nigéria, Paquistão e Afeganistão. “Erradicar a pólio será uma das maiores conquistas da história da humanidade”, destacou a entidade, por meio de sua conta na rede social Twitter.

De acordo com a OMS, se não fossem os esforços para acabar com a doença, mais de 17 milhões de pessoas que hoje podem caminhar teriam os membros paralisados por uma infecção pelo vírus. “Não podemos parar agora, vamos terminar o trabalho”, cobrou a entidade. “Não existe cura para a pólio, mas as vacinas podem proteger uma criação por toda a vida.”

A doença

De acordo com o Ministério da Saúde, a poliomielite é uma doença contagiosa aguda causada pelo poliovírus, que pode infectar crianças e adultos por meio do contato direto com fezes ou secreções eliminadas pela boca de pessoas infectadas e provocar ou não paralisia. Nos casos graves, em que acontecem as paralisias musculares, os membros inferiores são os mais atingidos.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Santos

Ato em Santos pedirá recomposição das universidades e institutos federais

Manifestantes estão em vigília pela recomposição orçamentária das universidades e institutos federais

Diário Mais

Guarujá está entre os destinos turísticos mais procurados no Airbnb

Ubatuba e São Sebastião, no Litoral Norte, também estão entre as 10 cidades mais buscadas na plataforma de hospedagem

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter