Incidência de Catapora cai pela metade em Santos

A catapora é uma doença típica da Primavera por sua alta incidência nesta época do ano

Comentar
Compartilhar
05 MAR 201321h03

A enfermidade que acomete crianças na faixa de 1 a 9 anos de idade, em cerca de 90% dos casos, também atinge jovens e adultos e pode ser contraída mais de uma vez. De janeiro a agosto deste ano, o número de notificações caiu 53,57% em relação ao mesmo período do ano passado: foram registrados em 2006, 52 casos contra 112, de 2005. Em dezembro, as ocorrências conhecidas chegavam a 720. Outubro e novembro registraram os maiores índices, 182 e 185, respectivamente.

Contudo, a pediatra da Coordenadoria de Saúde da Criança e do Adolescente da Prefeitura de Santos, Regina Braghetto, espera a redução dos surtos também no período mais crítico que vai de setembro a novembro, apostando na campanha de vacinação contra a catapora que o Município iniciou no ano passado, nas creches municipais. “Nós iniciamos a vacinação contra a varicela nas creches e acreditamos que a repercussão disso este ano, seja a queda no número de casos”, afirmou.

A doença, causada pelo vírus herpesvirus varicellae ou varicela zoster, é transmitida de pessoa para pessoa, pelo ar ou através do contado com as vesículas que se formam na pele. A única forma de prevenir a doença é através da vacina, porém, as doses ainda não estão disponíveis na rede pública de saúde, somente em consultórios particulares. A vacina só pode ser aplicada a partir de um ano de idade.

A doença fica incubada até 21 dias após o contágio. Os sintomas são febre, manchas vermelhas nas costas, peito, abdômen e coceira intensa. As manchas viram bolinhas vermelhas (pápulas), que se transformam em lesões com líquido (vesículas) e depois, em crostas.

Regina explica que a doença passa a ser transmissível dois dias antes da manifestação dos sintomas. Na fase de crostas não há risco de contaminação. A recuperação leva de sete a dez dias, quando todas as lesões já viraram crostas. Durante este período, o doente precisa ficar em casa.

Gestantes

A catapora pode causar sérios danos à saúde do feto, se a mãe contrair a doença nos primeiros três meses de gestação. O bebê pode ser acometido pela síndrome da varicela congênita, cujas sequelas podem ser lesões, malformações, comprometimento do sistema nervoso central e cegueira.

Estado

Em todo o Estado de São Paulo já foram notificados, este ano, 1.238 casos de catapora. Em 2005, 29.148 pessoas contraíram a doença.