Exames: ampliação de convênio reduzirá tempo de espera em Santos

A medida visa, já neste mês, reduzir o tempo médio de espera de 30 dias para até uma semana nas policlínicas.

Comentar
Compartilhar
03 NOV 2019Por Da Reportagem06h54
A partir do dia 15, os resultados dos exames poderão ser consultados em aplicativo da Afip.Foto: DIVULGAÇÃO/PREFEITURA DE SANTOS

A Secretaria de Saúde de Santos está ampliando, a partir deste mês, a coleta das amostras de sangue dos pacientes nas 31 policlínicas da Atenção Básica e no Centro de Controle de Doenças Infectocontagiosas (CCDI).

A medida, que visa reduzir o tempo médio de espera de 30 dias para até uma semana, ocorre por meio de aditamento do convênio com a instituição Afip Medicina Diagnóstica, que já realiza o processamento dos exames de análises clínicas e, agora, terá corpo de profissionais nas unidades para o serviço.

Um total de 38 profissionais foram contratados (37 auxiliares de laboratório e uma enfermeira) e atuarão de segunda a sexta, das 7h às 13h, nas 32 unidades da rede municipal, com a coleta de sangue e recebimento das amostras de urina e de fezes das 7h às 10h. Antes, algumas unidades realizavam o atendimento ao público das 7h às 8h ou até as 9h, de acordo com o fluxo de pacientes.

"Agora estamos padronizando o horário em todas as unidades. Com a chegada destes colaboradores, os servidores das unidades não precisarão fazer a coleta de sangue nem o recebimento das amostras, sendo deslocados para outras atividades. Assim, aperfeiçoaremos os demais atendimentos", explica o secretário municipal de Saúde, Fábio Ferraz.

AMPLIAÇÃO

Em média, 122 mil exames de sangue são processados por mês pelo laboratório da Afip, além de 5.300 exames de urina e 2.000 de fezes. A previsão é de que o volume de exames coletados aumente em 22%.

Também são realizados por mês 7.500 exames de imagem de 18 tipos (mamografia, tomografia, ultrassom, eletrocardiogramas, raios-X, doppler, entre outros).

O contrato teve o valor aditado em R$ 225 mil/mês, passando de R$ 916,6 mil para R$1,1 milhão.