Alimentos turbinados para curtir o Carnaval

Chef e nutricionista dá dicas de alimentação para aproveitar a Folia

Comentar
Compartilhar
12 FEV 2017Por Da Reportagem21h01
Para curtir o Carnaval é preciso ter uma alimentação correta e saudávelPara curtir o Carnaval é preciso ter uma alimentação correta e saudávelFoto: Divulgação

Para curtir o Carnaval é preciso ter energia, e isso a alimentação correta e saudável pode proporcionar. Nada melhor do que uma chef e nutricionista para dar dicas do que comer e o que evitar nestes dias para garantir diversão e alegria durante a Folia.

Luciana Marchetti, professora de Gastronomia da Unimonte e também nutricionista, diz que o ideal é ingerir carboidratos, que são o grupo alimentar fornecedor de energia ao organismo. As massas são boas fontes de energia, desde que não tenham como acompanhamento os molhos gordurosos. “A gordura deixa a digestão mais lenta, o que pode dar cansaço e sono”, diz Luciana. Tudo o que não se quer no Carnaval.

Ainda, entre os carboidratos, as frutas são super indicadas. Banana, melancia e melão são ótimas, sendo que as duas últimas têm bastante água, ajudando na hidratação, que não pode ser descuidada no Carnaval, uma época bastante quente. Saladas são sempre uma boa pedida, cruas ou refogadas.

Hidratar sempre

A especialista recomenda a ingestão de muito líquido, água, água de coco e suco de frutas natural. De caixinha, não vale, tem muito açúcar.

Na praia

Destino muito apreciado no Carnaval, a praia é uma delícia, desde que bem aproveitada. Isso inclui os alimentos certos para ingerir enquanto se curte o sol e o mar. “Dá para comer bem na praia sim, escolha milho sem manteiga, picolé de frutas e vale até o suco de abacaxi e o mate do carrinho, que devem ser consumidos com moderação porque contêm muito açúcar”.

Apesar de ser gostoso, o pastel da praia não é muito recomendado. Ele apresenta gordura e atrapalha a digestão, comprometendo o ganho de energia.

Álcool

Por último, é preciso se ter cuidado com as bebidas alcoólicas associadas à Folia. “Se beber, tome água também para hidratar, porque o álcool desidrata. Não beba de barriga vazia e não abuse, isso pode levar à hipoglicemia - baixo nível de glicose no sangue -, o que  causa vômito, tontura, palidez, suor frio, entre outros sintomas.