São Vicente chega a duas semanas com ocupação de leitos na ala Covid-19 abaixo de 50%

Taxa reduziu 44% na UTI e 29% na enfermaria

Comentar
Compartilhar
29 JUL 2021Por Da Reportagem12h25
Entre os dias 15 e 28 de julho, a Secretaria de Saúde registrou uma ocupação média de 29,86% nos leitos de enfermaria e de 35,71% nos leitos de UTIEntre os dias 15 e 28 de julho, a Secretaria de Saúde registrou uma ocupação média de 29,86% nos leitos de enfermaria e de 35,71% nos leitos de UTIFoto: Divulgação / Prefeitura Municipal de São Vicente

Há duas semanas, São Vicente registra menos de 50% de ocupação nos leitos da Ala Covid-19. Em comparação com os 14 dias anteriores é possível perceber uma redução significativa.

Entre os dias 15 e 28 de julho, a Secretaria de Saúde registrou uma ocupação média de 29,86% nos leitos de enfermaria e de 35,71% nos leitos de UTI. No período de 1 a 14 de julho, a taxa era de 42% para enfermaria e 64,29% na UTI.

Os números indicam que as ocupações caíram 29% na enfermaria e 44% na UTI. Para a secretária de Saúde, Michelle Santos, a queda é motivada principalmente pelo adiantamento da vacinação contra a Covid-19 no Município.

“A queda na ocupação de leitos mostra que a vacina salva vidas e é a chave para vencermos a pandemia. A campanha é feita com muita responsabilidade. Não deixamos vacina guardada e garantimos que não faltem doses”, destacou Michelle.

Vale ressaltar que não faltaram doses da vacina em nenhum dia em São Vicente, desde o início da campanha.

A Cidade está imunizando pessoas a partir de 23 anos e mais de 204 mil vicentinos já receberam pelo menos uma dose do imunizante - o que representa 73% da população adulta.

Além do rigoroso trabalho para antecipação da vacinação, São Vicente segue trabalhando para evitar aglomerações. A força-tarefa da Vigilância Sanitária, Guarda Civil Municipal, Secretaria de Trânsito e Transportes e a Secretaria de Desenvolvimento do Comércio, Indústria e Negócios Portuários já dispersaram milhares de pessoas que estavam descumprindo as medidas de distanciamento social.