VLI DESKTOP TOPO
SABESP AGOSTO MOB

Prefeitura de São Vicente firma convênio e terá R$ 58 milhões para obras na Ponte dos Barreiros

Antes da assinatura deste documento, diversas esferas do Governo já haviam destinado verba para realizar uma intervenção na ponte

Comentar
Compartilhar
30 DEZ 2019Por Da Reportagem18h31

O contrato realizado com a Caixa Econômica Federal e que prevê a liberação de R$ 58 milhões, para realizar a reforma da Ponte dos Barreiros, foi assinado na tarde desta segunda-feira (30), pela Prefeitura de São Vicente.

Antes da assinatura deste documento, diversas esferas do Governo já haviam destinado verba para realizar uma intervenção na ponte para que ela seja reaberta ao tráfego de veículos. A Ponte dos Barreiros se encontra fechada desde o dia 30 de novembro.

Algumas autoridades da Baixada Santista, como o deputado estadual Caio França e a deputada federal Rosana Valle estiveram presentes durante a assinatura do documento.

INTERDIÇÃO.
A Ponte dos Barreiros foi interditada para o tráfego no dia 30 de novembro devido ao risco de desabamento apontado pelo laudo emitido pelo Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT). Até o momento, podem passar apenas bicicletas e pedestres.

Para garantir uma alternativa ao translado de passageiros entre a Área Continental e a Área Insular, a Otrantur Transportes e Turismo, empresa responsável pelo transporte público municipal, implantou linhas especiais temporárias. A medida, que visa diminuir os impactos causados com a interdição da ponte e que atende a solicitações feitas por moradores, permite que o passageiro desça na cabeceira da ponte, atravesse a pé e embarque em outro ônibus.

A Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) também deu início a um plano emergencial para atender os moradores da Área Continental, criando novas linhas com partidas dos bairros Humaitá, Parque Continental e Gleba II, para levar os passageiros até a cabeceira da ponte. Os usuários recebem uma senha para embarcar, no outro lado da ponte, sem pagar outra tarifa.