Banner gripe

Munícipes temem queda de árvore em São Vicente

A vegetação fica ao lado de uma banca de jornal, na Rua Jacob Emmerich, esquina com a praia.

Comentar
Compartilhar
11 MAI 2019Por Caroline Souza09h36
Prefeitura garante que já encaminhou solicitação para que problema seja resolvido.Foto: Nair Bueno/DL

As raízes expostas de uma árvore na Rua Jacob Emmerich, no Centro de São Vicente, têm causado preocupação a moradores e comerciantes do bairro. Os munícipes temem a queda da vegetação.

A árvore fica ao lado de uma banca de jornal, na esquina com a praia. A proprietária da banca afirma ter feito diversas reclamações solicitando o serviço de poda e que seja feita uma análise para verificar se há risco de queda.

"Temos medo dela cair em cima da banca. Cada vez mais a calçada está levantando e nada é feito", lamenta a dona da banca, Janina Rosa dos Santos. "Eu e a síndica do prédio em frente já reclamamos".

Um dos protocolos é de novembro de 2018. "A Prefeitura deu o prazo de 15 dias para enviar um profissional responsável para avaliar o estado da árvore, mas até agora nada".

Segundo o zelador do prédio, Giovane de Jesus Melo, na última forte ventania, em 28 de abril, a preocupação aumentou. "A gente faz a solicitação e ninguém vem olhar, não sabemos mais o que fazer. No dia da ventania ficamos com muito medo".

A Prefeitura de São Vicente, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedup), informa que a árvore está próxima à fiação elétrica e para realizar a retirada são necessárias as presenças de equipes do Corpo de Bombeiros e da empresa de energia elétrica, mas garante que essa solicitação já foi feita. No entanto, não respondeu ao questionamento da reportagem sobre prazos para resolução do problema.

"Já a quebra de calçada é considerada normal pelo crescimento próprio da árvore e porque geralmente as pessoas não deixam espaço para as raízes crescerem", completou a Administração Municipal.

Colunas

Contraponto