Polícia descobre esquema de falsificação de bebidas destiladas em SV e prende homem

Dezenas de garrafas foram apreendidas por policiais civis da DIG de Santos; destinação seria para casas noturnas e bares da Baixada Santista, segundo a investigação.

Comentar
Compartilhar
10 MAI 2019Por Gilmar Alves Jr.15h14
Esquema de falsificação e venda de bebidas falsificadas funcionava nos fundos de uma casa no bairro Parque Continental.Foto: Divulgação/Polícia Civil

Policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Santos descobriram um esquema de falsificação de bebidas e vendas em um imóvel, na Área Continental de São Vicente, o que resultou na prisão em flagrante de um homem de 36 anos, morador do local. A ação foi deflagrada no início da tarde de quinta-feira (9). A investigação aponta que as bebidas seriam repassadas para casas noturnas e bares da Baixada Santista e prossegue para identificar os locais. 

Em um cômodo nos fundos da casa, na Rua Engenheiro Antonio Fernando Reis, no Parque Continental, dezenas de garrafas de uísque de marcas famosas, além de vasilhames de vodca, foram apreendidos pela equipe do delegado Luiz Ricardo de Lara Dias Júnior, titular da DIG, e do investigador-chefe, Paulo Carvalhal. 

Uma denúncia motivou a diligência. No momento da chegada dos policiais, a mãe e um irmão do acusado estavam no local, sendo que a mulher tentou atrapalhar o andamento das buscas, segundo os investigadores. O morador responsável pelo esquema ilícito foi preso ao se apresentar na DIG, acompanhado de advogado. 

De acordo com os policiais, também foram apreendidas garrafas vazias e tubos de cola utilizados para inserção do lacre de metal que veda a boca das garrafas. 

“Apesar das tentativas em dissimular que as garrafas possuíam lacre de fábrica, em algumas delas era possível perceber claramente que haviam sido rompidos em plástico transparente”, informa a Polícia Civil.

Colunas

Contraponto