São Vicente

Cunhado-assessor de vereador Tiago Peretto agride funcionário do PS Central

Agressão ocorreu após o descontentamento do assessor ao ver que somente o vereador teve o acesso liberado pelo funcionário

Carlos Ratton

Publicado em 27/05/2024 às 17:38

Atualizado em 27/05/2024 às 18:34

Comentar:

Compartilhe:

O funcionário, de 48 anos, segundo testemunhas, quebrou alguns dentes / Reprodução

As incursões do vereador vicentino Tiago Martins Peretto (União Brasil) em equipamentos de saúde de São Vicente, para fazer vídeos denunciando supostas irregularidades, causaram uma situação inusitada grave hoje. Isso porque o assessor do vereador, que o acompanhava, agrediu o funcionários Antônio Blume Filho, de 48 anos, por tentar impedir o ingresso da equipe do parlamentar no Pronto Socorro Central.    

Segundo informações, Antônio Blume fazia o controle do fluxo de pessoas na portaria e tentou impedir o acesso do assessor que estava gravando a incursão e acompanhava o vereador. Ele teve alguns dentes fraturados por conta da agressão e está passando por uma avaliação para uma possível cirurgia. 

Um vídeo mostrando toda a situação circulou nas redes sociais na tarde de hoje e é possível ver o momento em que o vereador Peretto e o agressor entram no PS Central. A agressão ocorreu após o descontentamento do assessor ao ver que somente o vereador teve o acesso liberado pelo funcionário.

Como pode ser visto, o assessor segurava o celular filmando desde a entrada de Peretto à catraca de acesso à unidade de saúde municipal. Após Peretto passar, o agressor entrou filmando com o celular, quando o funcionário da portaria avisou sobre a proibição de gravação no local.

Por não ser atendido, o funcionário teria dita alguma coisa e, na sequência, tentado pegar o aparelho das mãos do assessor que teria se desvencilhado e, logo depois, voltou e agrediu o rapaz com um soco. 

O funcionário caiu e, segundos depois, se levantou. Peretto assistiu tudo e, em nenhum momento, foi socorrer o funcionário ou questionou a atitude do agressor que, ainda segundo informações nas redes, seria seu cunhado.   

Segundo apurado, essa prática – de entrar a qualquer custo - tem se tornado comum por Peretto em São Vicente, em busca de publicidade para suas redes sociais. Mesmo sendo base de apoio do prefeito Kayo Amado, ele ‘visita’ unidades de saúde filmando alegando que está atendendo a chamados de munícipes insatisfeitos com o atendimento. 

Sobre a questão, Peretto usou as redes sociais divulgando que faria uma live para explicar a situação aos seus seguidores e eleitores. A Reportagem entrou em contato com o vereador por telefone e ele revelou que desligou o cunhado de sua equipe por não concordar com agressão ocorrida.

“Ele trabalhava na minha equipe como freelance. Eu fiquei sem ação na hora do ocorrido. Não pude imaginar que isso ocorreria. Já liguei para o funcionário agredido, pedi desculpas e me coloquei à disposição para qualquer tratamento que ele necessite”.

CÂMARA.

A Câmara de São Vicente se manifestou, por sua Assessoria de Imprensa, alegando que Peretto não comentará o caso pela assessoria da Câmara, preferindo, como ele próprio anunciou, se pronunciar por conta, utilizando suas redes sociais. “A Câmara esclarece que indivíduo em questão, que realizou a agressão, não é funcionário da Câmara de São Vicente", explica em nota.

PREFEITURA.

A Prefeitura de São Vicente, por meio da Secretaria da Saúde (Sesau), confirmou a agressão e que o agressor é cunhado do vereador Tiago Peretto. 

O trabalhador passou por atendimento médico, sutura da boca e atendimento odontológico e foi encaminhado à Delegacia para realizar Boletim de Ocorrência. 

É importante ressaltar que a fiscalização in loco por parte dos vereadores deve ser realizada com solicitação de presença de responsável que deve acompanhar o vereador, o que não ocorreu no caso.

A Prefeitura de São Vicente reforça que repudia todo e qualquer ato de violência e que lamenta o ocorrido. Todo o suporte necessário está sendo dado ao funcionário agredido.

A Administração informa, também, que abrirá diálogo com o Sindicato da categoria para a criação de uma nova portaria, mais restritiva à entrada de qualquer pessoa estranha aos ambientes de saúde, a fim de proteger trabalhadores e pacientes. 

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Santos

Santos terá museu de artes plásticas com entrada gratuita; veja

A expectativa é que obras de Nuno Ramos, Jarbas Lopes e Sergio Romagnolo cheguem a cidade

Diário Mais

Artista usa inteligência artificial e emociona ao mostrar como estariam os Mamonas hoje

Grupo musical morreu em trágico acidente aéreo em 2 de março de 1996

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter