Covid-19: São Vicente começa a vacinar pessoas de 50 a 54 anos com comorbidades

Nova faixa etária começa a ser vacinada nesta sexta-feira

Comentar
Compartilhar
14 MAI 2021Por Da Reportagem10h30
Pessoas com comorbidades e portadores de Deficiência Permanente, de 50 a 54 anos, já podem se imunizar na CidadePessoas com comorbidades e portadores de Deficiência Permanente, de 50 a 54 anos, já podem se imunizar na CidadeFoto: Divulgação / Prefeitura Municipal de São Vicente / Facebook

Nesta sexta-feira (14), São Vicente segue com o Plano Estadual de Imunização (PEI), e começa a imunização para pessoas com comorbidades e portadores de Deficiência Permanente, de 50 a 54 anos.

A aplicação da primeira dose nos públicos-alvos está acontecendo em todas as unidades de saúde do Município, das 9h às 15h30.

Pessoas com comorbidades, de 50 54 anos, devem apresentar nos postos o comprovante de residência e um laudo médico que afirme a condição, como por exemplo: exames, receitas, relatórios ou prescrições, assinadas por um profissional da saúde.

Os portadores de Deficiência Permanente, de 50 a 54 anos, precisam do cartão do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e do comprovante de residência.

O Ministério da Saúde define como comorbidades: doenças cardiovasculares; insuficiência cardíaca (IC); cor-pulmonale (alteração no ventrículo direito) e hipertensão pulmonar; cardiopatia hipertensiva; síndromes coronarianas; valvopatias, miocardiopatias e pericardiopatias; doença da aorta; dos grandes vasos e fístulas arteriovenosas; arritmias cardíacas; cardiopatias congênitas no adulto; próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados; diabetes mellitus; pneumopatias crônicas graves; hipertensão arterial resistente (HAR); hipertensão arterial - estágio 3; hipertensão arterial - estágios 1 e 2, com lesão e órgão-alvo e/ou comorbidade; doença cerebrovascular; doença renal crônica; imunossuprimidos (transplantados; pessoas vivendo com HIV; doenças reumáticas em uso de corticoides; pessoas com câncer; anemia falciforme e talassemia maior (hemoglobinopatias graves), obesidade mórbida e cirrose hepática.

Confira os endereços das UBSs e ESFs da Cidade: 


- UBS Central (Avenida Antônio Emmerich, 509 – Vila Mello) 
- UBS Catiapoã (Av. Pérsio de Queiroz Filho, 733/734 – Catiapoã) 
- UBS /ESF Náutica III (Rua Nicolau Patrício Moreira, 225 – Cidade Náutica) 
- UBS/ ESF Praça Vitória (Praça Vitória, s/n – Vila Voturuá) 
- UBS/ESF Parque Bitaru Praça Infante Dom Henrique, s/n – Parque Bitaru 
- ESF Parque São Vicente (Praça Dom Pedro I, s/n – Parque São Vicente) 
- ESF Japuí (Avenida Tupiniquins, s/n – Japuí) 
- UBS / ESF Vila Margarida (Rua Polydoro de Oliveira Bittencourt , 299 – Vila Margarida) 
- ESF Humaitá (Rua Maria Rocco, s/nº – Humaitá) 
- UBS /ESF Samaritá (Rua Sergipe, 70 – Samaritá) 
- UBS/ESF Parque das Bandeiras (Praça Dário Aredes Lacerda, 70 Loja 11 – Parque das Bandeiras) 
- UBS/ESF Vila Ponte Nova E ESF Quarentenário (Rua Salvador, s/n – Vila Ponte Nova) 
- UBS/ ESF Jardim Guassu (Rua Lagarto, 101 – Jardim Guassu) 
- UBS/ESF JIP (Rua Roberto Koch, 584 – Jóquei Clube) 
- UBS Pompeba (Rua Antonio da Costa, s/n – Pompeba) 
- UBS/ ESF Sambaiatuba (Praça Dom Bosco, s/n) 
- ESF Saquaré / ESF México 70 (Rua do Meio, s/n – Vila Margarida) 
- UBS Tancredo Neves (Rua Luiz Meirelles Araújo, s/n – Tancredo Neves) 
- ESF Esplanada dos Barreiros (Avenida Brasil, s/n – Esplanada dos Barreiros) 
- ESF Sá Catarina (Rua Travessa do Parque, S/N – Catiapoã) 
- ESF Parque Continental (Avenida Central, 940 – Parque Continental) 
- ESF Gleba II (Avenida Dr. Celso Santos, 510 – Parque das Bandeiras) 
- ESF Nova São Vicente e ESF Vila Ema (Rua Eliseu Almeida Melo, 10 – Vila Ema) 
- ESF Jardim Rio Branco I (Rua Antônio Riscalle Husne, 1760 – Jardim Rio Branco) 
- ESF Jardim Rio Branco II e III (Rua Eduardo Cação, s/n – Jardim Rio Branco) 
- ESF Jardim Rio Negro (Rua E, 110 – Jardim Rio Negro)