X
Santos

Zona Noroeste receberá R$ 140 milhões para infraestrutura

O pacote de melhorias para a Zona Noroeste, que faz parte do programa Santos Mais Bonita, foi anunciado nesta quinta-feira (12)

O pacote de melhorias para a Zona Noroeste foi anunciado nesta quinta-feira (12) / Divulgação/ Isabela Carrari

Alargamento da Avenida Nossa Senhora de Fátima, revitalização de praças, pavimentação de ruas, paisagismo, construção de escolas, implantação de comportas para combate a enchentes, entre diversos outros benefícios. O pacote de melhorias para a Zona Noroeste, que faz parte do programa Santos Mais Bonita, foi anunciado nesta quinta-feira (12) a líderes comunitários da região. 

Ao todo serão investidos R$ 140.077.666,70 em diversas intervenções, com recursos municipais e em parceria com os governos Estadual e Federal. As obras serão executadas pelas secretarias de Infraestrutura e Edificações (Siedi) e Serviços Públicos (Seserp).

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

As medidas vão contemplar os bairros Alemoa, Areia Branca, Bom Retiro, Caneleira, Castelo, Chico de Paula, Piratininga, Rádio Clube, Saboó, Santa Maria, São Jorge, São Manoel e Vila Haddad.

Ao dar a novidade, o prefeito Rogério Santos reforçou o  compromisso com os investimentos na Zona Noroeste, bem como destacou a importância da população na construção do projeto de zeladoria e desenvolvimento da região.

"Em 2020, em conversa com todas as lideranças e as comunidades, construímos um projeto juntos", recordou o prefeito, citanto o caminho até a chegada do anúncio. "Foi um processo longo desenvolvendo projetos, definindo orçamentos e trabalhando em busca de recursos junto ao governo do Estado. Estamos felizes por fazer uma grande renovação aqui", concluiu o chefe do Executivo.

INVESTIMENTOS

A Alemoa, por exemplo, terá investimento total de R$ 1.487.039,12. A principal intervenção no bairro é a remoção de submoradias, em parceria com a Companhia de Habitação da Baixada Santista (Cohab), e serviços de drenagem na Rua Boris Kauffmann, prevista para ser concluída no segundo semestre deste ano. 

Já na Areia Branca, que receberá o investimento total de R$ 2.936.102,98, o destaque fica por conta da pavimentação e do paisagismo das ruas Francisco Lourenço Gomes e Casemiro Giangulio, além da praça Nicanor Ortiz. As intervenções serão concluídas ainda em 2022 e estão orçadas em R$ 2.185.090,94.

Outras obras relevantes são a colocação de grama sintética no Centro Esportivo Paulo César Araújo Pagão e a revitalização da Praça Vereador Fernando Oliva, no Bom Retiro. As ações no bairro, que também contemplam a manutenção do Pagão, terão investimento de R$ 1.899.904,49 e serão finalizadas no segundo semestre deste ano.

A Caneleira receberá, até agosto de 2022, um campo de futebol no Caminho São Jorge. O bairro também será contemplado com as revitalizações das praças Júlio Dantas e João Antônio Sevilhano. O investimento total será de R$ 350 mil.

O Castelo, por sua vez, ganhará sistema de macrodrenagem da bacia da Avenida Haroldo de Camargo, para o combate às enchentes. A construção de uma estação elevatória, um canal e comportas no final da via que faz divisa com São Vicente conta com o investimento total de R$ 37.525.666,33. A conclusão da obra está prevista para fevereiro de 2023.

Obras de drenagem e pavimentação nas ruas Herman Quintas e Ismael Coelho, orçadas em R$ 200 mil, também estão entre as principais ações no bairro. A intervenção também visa o combate às enchentes nas vias. Além dessas obras, o bairro também receberá ações de zeladoria e manutenção geral. O investimento total no Castelo será de R$ 39.963.321,55.

As ações no Chico de Paula totalizam R$ 5.148.955,08. Entre as principais obras está o alargamento da Avenida Nossa Senhora de Fátima, já em andamento. Orçada em R$ 3,5 milhões, a intervenção visa dar melhor fluidez ao tráfego. Já no Piratininga, o programa fará investimento total de R$ 423.455,05. A principal intervenção no bairro será a manutenção do Espaço Esportivo Edison Teixeira Fernandes, orçada em R$ 252.355,05. A obra será concluída até o fim do ano.

 

MAIS OBRAS MARCANTES
 

Um dos bairros da Zona Noroeste que também receberá obras de grande impacto é o Rádio Clube. A obra da comporta 1, no cruzamento entre as avenidas Jovino de Melo e Hugo Maia, no valor de R$ 9.595.264,42, será iniciada no segundo semestre e irá durar 12 meses.

Já com investimento de R$ 6.483.079,49, serão pavimentadas as seguintes vias no bairro: Travessa Vila Telma; Rua Dr. Stefan Bryk; Caminho São Sebastião; Caminho São José; Caminho da Capela; Caminho da Divisa. 

Com investimento de R$ 120 mil, a construção de totens para a identificação de 11 comunidades do Dique da Vila Gilda também está entre os destaques. A obra visa valorizar cada comunidade e organizar esse trecho do bairro.

O Saboó será outro bairro que será contemplado com pavimentação de diversas ruas. Ao todo serão investidos R$ 15.065.465,67 para asfaltar as ruas Cananeia (entre Rua São Vicente e Rua Ernesto Fulgoso); Guarujá; Ernesto Xavier Krone; Ubatuba; Caraguatatuba; Ernesto Fulgoso; Dr. Oswaldo de Carvalho (após Rua Iguape); Iguape (entre Dr. Oswaldo de Rossis e Cananeia), Babalorixá Vivaldo Pires de Carvalho; Vivaldo de Almeida Nery; Renata Câmara Agondi; Flaminio Levy; Francisco Pedro dos Reis e Praça Ruy de Lugo Vinã.

 

SANTA MARIA, SÃO JORGE E SÃO MANOEL
 

O bairro Santa Maria será contemplado com a construção da comporta 2. A obra, orçada em R$ 9.033.357,77, faz parte do pacote de combate às enchentes na Zona Noroeste. Será iniciada no segundo semestre deste ano e tem prazo para conclusão de 12 meses. No São Jorge, o Monumento Divisa Santos-São Vicente será totalmente revitalizado, inclusive ganhando iluminação. Outros pontos do bairro que serão revitalizados são as praças Engenheiro Prestes Maia e Albertino Moreira. O investimento total no São Jorge é de R$ 507.500,00.

Já no São Manoel, a construção das novas unidades de duas escolas estão entre os principais investimentos: a UME Flávio Cipriano Barbosa (educação infantil), orçada em R$ 8.698.136,34, e a UME José Carlos de Azevedo, em  parceria com a Ecovias (R$ 12.590.036,79). Ambas as obras começam neste ano e serão concluídas em 12 meses. Somadas às construções, as ações de revitalização e pavimentação no bairro totalizam investimento de R$ 23.053.132,70.

 

VILA HADDAD E REEDUCANDOS
 

Na Vila Haddad também será construída uma nova unidade para a escola Hilda Rabaça, com prazo de 12 meses de obras e investimento de R$ 8.584.317,82.

Com investimento de R$ 504 mil, o programa Santos Mais Bonita também irá acelerar os trabalhos de zeladoria na Zona Noroeste. Isso porque 60 reeducandos do regime semiaberto participam das ações, potencializando assim a execução dos serviços.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Sua marca está preparada para a geração Z? Veja 3 maneiras de conquistar o novo perfil de consumidor

Zoomers definem novos padrões de consumo e, para conquistá-los, marcas devem apostar em autenticidade, tecnologia e igualdade social, aponta especialista

Polícia

Sindpesp aciona a Justiça contra a Operação Sufoco

A medida determina que os policiais devem trabalhar mais, em seus períodos de folga, para combater a criminalidade no Estado de São Paulo

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software