X

Santos

Tripulante de cruzeiro que saiu do Porto de Santos denuncia estupro em alto-mar

Caso foi registrado pela Polícia Civil de Alagoas, onde o navio atracou nesta terça-feira (14); acusado também é tripulante da embarcação

Luana Fernandes

Publicado em 15/03/2023 às 08:11

Atualizado em 15/03/2023 às 19:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

A denúncia foi registrada na Delegacia de Defesa da Mulher e a vítima entrou com pedido de medida protetiva de urgência / Divulgação/Polícia Civil

Uma tripulante paulista do cruzeiro MSC Seashore, que saiu do Porto de Santos, afirmou ter sofrido um estupro praticado por um colega de trabalho em alto-mar. Por conta da denuncia, a Polícia Civil de Alagoas esteve na embarcação assim que o navio atracou no Porto de Maceió nesta terça-feira (14).

Segundo informações do portal Gazetaweb, os envolvidos foram conduzidos à Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), onde a vítima registrou a denúncia e os dois foram ouvidos. Foi lá que a vítima relatou ter sido dopada pelo colega de trabalho antes do ato, o que caracteriza o crime como estupro de vulnerável. As informações foram divulgada pela delegada da DDM, Ana Luiza Nogueira.

Ainda segundo foi registrado, a situação teria ocorrido há alguns dias e chegou ao conhecimento da Delegacia Geral de Polícia Civil de Alagoas, que aguardava o navio atracar para enviar uma equipe policial até o local. Além de formalizar a denúncia, a vítima também deu entrada no pedido de medida protetiva de urgência, que será apreciado pelo Poder Judiciário.

Ambos os envolvidos na situação - acusado e vítima - são de São Paulo e estavam no navio a trabalho. O cruzeiro MSC Seashore tem embarque em Santos e faz escalas alternadas em Ilha Grande, Búzios, Maceió e Salvador.

A MSC Cruzeiros, através de nota encaminhada a reportagem do Diário do Litoral, informou que assim que tiveram conhecimento da situação tomou todas as medidas cabíveis. "Prestamos todo o suporte à nossa tripulante. Estamos cooperando estreitamente com as autoridades responsáveis pela condução do caso e, no momento, não há informações adicionais que possam ser compartilhadas sobre a investigação que está em andamento. Condenamos veemente qualquer tipo de abuso e temos uma política de tolerância zero com comportamentos contrários aos valores da empresa".

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Esportes

Com gol no início da partida, Corinthians perde por 1 a 0 para o Argentinos Juniors

O Corinthians não se impôs em momento algum contra o Argentinos que poupou alguns titulares

Guarujá

Nesta quarta (24), PAT Guarujá oferece 42 vagas de emprego

Os pré-requisitos são imprescindíveis e os documentos indispensáveis

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter