X

Santos

Tempestade causou sustos e transtornos na Baixada Santista

Depois de um sábado (03) quente e abafado, rajadas de vento de mais de 70 km/h acompanhadas de chuva e raios prejudicaram muitas cidades e serviços.

Da Reportagem

Publicado em 04/11/2018 às 11:15

Atualizado em 04/11/2018 às 11:26

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

No Gonzaga, em Santos, vários pontos ficaram sem luz, inclusive semáforos deixaram de funcionar. / Jeferson Marques/DL

Um sábado (03) quente e abafado, com a sensação térmica passando dos 35 graus. Final da tarde, e uma grande tempestade se forma em menos de 30 minutos. Segundo a ONG "Amigos da Água", os ventos na Baixada Santista ultrapassaram a casa dos 70 km/h. E vieram acompanhados de chuva e raios, causando problemas em várias cidades.

Santos

No bairro do Gonzaga, ainda durante a ventania algumas ruas ficaram totalmente sem luz. Toda a Orla da Praia, até o Canal 3, também ficou sem energia elétrica. Semáforos não funcionaram, o que causou grande transtorno para motoristas e pedestres.

No José Menino, a janela de um apartamento se soltou e atingiu 6 pessoas que tentavam se abrigar da ventania. Todos tiveram cortes causados pelos estilhaços do vidro. Até o fechamento dessa reportagem não havia a informação sobre o estado de saúde delas.

Guarujá

No bairro Vila Lygia, algumas ruas também ficaram sem iluminação durante a tempestade, casos da Domingos Antoniette e parte da Azuil Loureiro. Houve pontos de alagamento, o que impossibilitou o o trânsito de veículos por cerca de 40 minutos.

As ruas próximas ao terminal de ônibus do Ferry-Boat também ficaram sem energia elétrica.

Houve paralisação no serviço de travessia de balsas e barcas entre Guarujá e Santos.

São Vicente

Pontos de alagamento também foram relatados por munícipes no centro da cidade e na Vila Margarida. No mesmo bairro, uma árvore chegou a tombar com a força do vento. Não houve feridos.

Praia Grande

Novamente uma parte do teto do Litoral Plaza Shopping cedeu devido à força da chuva. O desabamento do gesso ocorreu no Acesso 1, na entrada do shopping.

O local foi isolado e não houve registro de vítimas.

Registro

O muro de um supermercado na Vila Tupi caiu e destruiu cerca de cinco carros. Nenhum cliente estava dentro dos veículos durante o incidente. O estabelecimento precisou ser fechado por precaução.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

SHOW DO TRICOLOR

Fora de casa, São Paulo vence o Atlético-GO pelo Brasileirão

Na noite deste domingo (21) o São Paulo venceu o Atlético-GO por 3 a 0 e somou seus primeiros pontos no Brasileirão

Política

Cubatão recebe doação definitiva das áreas de núcleos na Ilha Caraguatá

Prefeitura poderá realizar a regularização fundiária dos núcleos São Pedro, Nhapium e São Benedito

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter