Pandemia

Santos revoga obrigatoriedade do uso de máscaras nas escolas e no transporte coletivo

Ação leva em consideração a diminuição do número de casos de covid-19 e o avanço da vacinação

Da Reportagem

Publicado em 13/09/2022 às 09:01

Compartilhe:

Os decretos 9.706/2022 e 8.944/2020 que estabeleciam o uso do equipamento de proteção foram revogados / Aloisio Mauricio /Folhapress

A partir desta terça-feira (13), não é mais obrigatória a utilização de máscaras faciais nas escolas e no transporte público municipal em Santos. Os decretos 9.706/2022 e 8.944/2020 que estabeleciam o uso do equipamento de proteção foram revogados com o decreto 9.798/2022, que será publicado no Diário Oficial (https://diariooficial.santos.sp.gov.br), nesta terça, levando em consideração a diminuição do número de casos de covid-19 e o avanço da vacinação.

As escolas municipais, entidades subvencionadas e escolas particulares supervisionadas pela Secretaria de Educação (Seduc) continuarão a ser orientadas a seguir os demais protocolos sanitários como a higienização frequente dos espaços e uso do álcool em gel 70% para limpeza das mãos.

"Estamos muito felizes que o quadro atual nos proporciona esta flexibilização. A volta da obrigatoriedade deste item de segurança se deu em junho deste ano. Desde o início da pandemia, todas as decisões foram tomadas com muita cautela, com o apoio dos órgãos de Saúde e do Programa Saúde na Escola", destacou a secretária de educação, Cristina Barletta.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Padaria inova com pão de maçã e conquista o público no Litoral de SP

Estabelecimento oferece, há 37 anos, pães diferenciados, bolos, doces e uma gastronomia afetiva aos clientes

LITORAL SUL DO RIO

Paraty ficou 'embaixo d'água' neste domingo, mas isso é normal

Em certas épocas do ano a maré alta acontece, e a cidade está preparada para o fenômeno; entenda a maré alta de Paraty

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter