X

Segurança

Santos proíbe barracas, quiosques e ambulantes na praia durante o réveillon

A medida adotada pela Prefeitura segue as recomendações da Polícia Militar

Vanessa Pimentel

Publicado em 28/12/2022 às 10:10

Atualizado em 28/12/2022 às 10:13

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

No mesmo período, também fica proibida a instalação de barracas e tendas / Marcos Santos/USP IMagens

Quiosques, comércio ambulante e barracas não poderão funcionar na orla da praia de Santos entre às 19h deste sábado (31) e 6h de domingo (1º). A medida adotada pela Prefeitura segue as recomendações da Polícia Militar para manter a segurança na orla durante o réveillon, que voltará a receber a queima de fogos após dois anos de suspensão em razão da pandemia de covid-19.

No mesmo período, também fica proibida a instalação de barracas, tendas ou equipamentos semelhantes nos jardins e faixa de areia da praia, com exceção das barracas destinadas à prestação de serviços públicos e aquelas credenciadas pela Secretaria Municipal de Esportes (Semes) com autorização específica de funcionamento após as 19h de sábado, que poderão funcionar até 3h, para atividades sociais, com música até 2h.

“O réveillon de Santos é a festa da família. Pedimos a colaboração das pessoas para que esta festa seja ainda melhor. Uma virada de ano de paz, união e cidadania”, disse o prefeito Rogério Santos.

A decisão, publicada na edição de quarta-feira (28) do Diário Oficial de Santos ainda proíbe o estacionamento de veículos, das 8h de sábado às 6h de domingo, nas avenidas Presidente Wilson, Vicente de Carvalho e Bartolomeu de Gusmão, nos trechos definidos pela CET-Santos.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

INVESTIGAÇÃO

Caminhoneiro é sequestrado e mantido refém após descarregar carga no Porto de Santos

Homem de 42 anos disse à Polícia Civil que um dos criminosos estava armado; caso é investigado e criminosos são procurados

ATRAÇÃO NO LITORAL

São Vicente terá maior fonte interativa da Baixada Santista

Na noite desta sexta-feira (24) o novo equipamento foi acionado pela primeira vez

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter