X
Santos

Santa Casa de Santos passará a ter cerimonial de cremação

Projeto de assistência funerária compreende a construção de um anfiteatro com 98 lugares para cerimônias de cremação, com lugar reservado para cadeirantes, estacionamento exclusivo, e condições acessíveis para cremação

Santa Casa de Santos inicia uma fase de modernização com a ampliação de serviços especializados para acolher as famílias no momento do luto / Divulgação / Santa Casa de Santos

A Santa Casa de Santos inicia uma fase de modernização com a ampliação de serviços especializados para acolher as famílias no momento do luto. Com a intenção de amenizar a dor da perda de um ente querido, e facilitar os trâmites necessários na hora da despedida, a Santa Casa de Santos preparou um projeto de apoio completo ao luto, primando pela humanização do atendimento aos familiares.

Este projeto de assistência funerária compreende a construção de um anfiteatro com 98 lugares para cerimônias de cremação, com lugar reservado para cadeirantes, estacionamento, e condições acessíveis para cremação. Serão 730 m² de área construída, que integram saguão de 300 m², com espaço para 43 pessoas sentadas, sanitários com acessibilidade, duas salas para velório com ambiente de acolhimento para os familiares e espaço reservado com sanitário e chuveiro. O local comportará também uma sala de enfermaria, para o atendimento de eventuais intercorrências, e sala técnica para apoio ao cerimonial.

Para a execução desta obra, que já está em andamento, a Santa Casa de Santos contratou a empresa Engeterpa, que possui experiência em empreendimentos no ramo da construção civil. O provedor da Irmandade, Ariovaldo Feliciano, destacou a importância de entregar a responsabilidade de execução de uma obra desta relevância para uma empresa como a Engeterpa. Na oportunidade, o superintendente da Engeterpa, Lupércio Conde, lembrou que o compromisso acontece em um momento especial – quando a empresa comemora 50 anos de atividades.

O diretor da Engeterpa, Rogério Conde, enfatizou quanto à satisfação de poder fazer este novo equipamento para a Santa Casa de Santos, levando em consideração todo o carinho e admiração que tem pela instituição, e disse ainda que deseja superar as expectativas para a entrega desta obra.

A formalização do acordo aconteceu em reunião com os membros da Mesa Administrativa e gestores, estando presentes: o vice provedor, Cacá Teixeira, o presidente do Conselho Geral, Orlando Viscardi, o 2º Secretário, João Domingos Neto, o 2º Tesoureiro, Antonio Carvalho, o Procurador Geral, Raphael Vita, o Superintendente, Augusto Capodicasa, e o Gerente Jurídico, Aldo Santos Pinto.

ATUALMENTE.
O Serviço de Luto da Santa Casa de Santos, onde acontecem os velórios, está sendo totalmente reformado, e 80% das obras já foram concluídas. O local recebeu melhorias, como a ampliação para três salas de atendimento aos familiares, corredor privativo de acesso à sala de preparação, circuito fechado de TV, aumento da sala de preparação, construção de oito sanitários com acessibilidade, criação de mostruário de urnas, readequação da floricultura, além de reforma, climatização e ampliação das nove salas de velório. Toda a área que circunda o local também foi remodelada, incluindo um projeto de paisagismo e iluminação. A Santa Casa também fez a aquisição de carros funerários devidamente adaptados para atender todas as demandas e particularidades do serviço.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Esportes

João Paulo para Gabriel, Santos bate Flamengo no Maracanã e afasta o rebaixamento

Com o resultado, o Santos alcançou os 49 pontos, em 11º lugar, enquanto o Flamengo, vice-líder, permanece com 71 pontos

Praia Grande

Enviado à Câmara, programa Casa Legal deverá oferecer mais segurança habitacional a famílias

Projeto de Lei deve ser votado na próxima sessão e beneficiará cerca de 12 mil famílias

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software