X

Santos

Ressaca atinge orla de Santos e interdita Avenida da Praia; veja o vídeo

Nos locais onde foram instalados os "bags" de contenção não há registro de alagamento.

Da Reportagem

Publicado em 28/10/2018 às 11:01

Atualizado em 28/10/2018 às 11:09

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

A Defesa Civil informa que o ciclone extratropical provocou ondas  de 3,52m às 2h40 na Baía de Santos. 

A altura da maré está em 1,70. Os ventos estão fracos e, por essa razão, o estado de atenção está mantido. 

A maré está baixando e um novo pico está previsto para às 17hs.

A CET informa que há interdição na avenida da praia do canal seis sentido balsa devido a ressaca.

Na entrada da cidade o tráfego está normal.

Essa e a primeira ressaca forte depois das instalações dos bags.

Pelas imagens é possível observar que nos pontos onde os bags foram instalados não há registro de alagamento.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Nacional

Armado com uma espada, homem invade hospital e ataca segurança; assista

Apesar do ataque, o segurança não ficou ferido e retirou o agressor da unidade médica

Cotidiano

Vacinação da gripe será antecipada para março

A estratégia costuma acontecer entre os meses de abril e maio, mas, neste ano, terá início no dia 25 de março, devido a uma "antecipação da circulação de vírus respiratórios"

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter