ECONOMIA

Projeto de Lei propõe criação de 'Polo Turístico Vem Pro Centro', em Santos

O objetivo, segundo o texto do próprio projeto de lei, é promover o desenvolvimento econômico na região

LG Rodrigues

Publicado em 11/08/2022 às 07:00

Atualizado em 11/08/2022 às 11:32

Compartilhe:

Projeto de Lei propõe criação de 'Polo Turístico Vem Pro Centro', em Santos / Foto: Nair Bueno/ Diário do Litoral

"É muito triste ver o Centro da forma como está. Imóveis vazios, pouca circulação de pessoas além da clara diminuição de comércios e empresas nesta região. Quem viveu o auge do centro, em especial nos bons tempos do porto e da navegação nas décadas de 80 e 90, se assusta com as ruas desertas". Foi assim que o vereador José Teixeira Filho, o Zequinha Teixeira (PP), definiu a situação de uma das áreas mais tradicionais da maior cidade da Baixada Santista, mas o parlamentar afirma ter um planejamento para reverter esta situação.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Divulgado na última quarta-feira (10), durante sessão ordinária da Câmara dos Vereadores santista, o projeto de lei almeja classificar como 'Polo Turístico Vem Pro Centro' as seguintes vias: Rua do Comercio, Rua Quinze de novembro, Rua Gonçalves Dias, Rua São Bento, R. Visc. de Vergueiro Rua Comendador Neto, Rua José Ricardo, Rua Conde D’Eu, Rua Tuyuti, Rua Frei Gaspar, Rua Riachuelo, Rua Pedro II, Rua Cidade Toledo, Rua da Constituição, Rua Visconde de Rio Branco, Praça da República, Rua Tiro Onze e a Praça Visconde de Mauá no Centro de Santos.

O objetivo, segundo o texto do próprio projeto de lei, é promover o desenvolvimento econômico por meio de atividades de capacitação profissional nas áreas cultural, de gastronomia e turismo, visando à inclusão social e fomentando a economia da rede local, previamente instaladas, assim como as que poderão vir a compor o Polo, além de atrair investimentos para manutenção da área do Polo, realização de eventos, cursos e políticas públicas no âmbito da cultura, gastronomia e turismo.

"Fui procurado por comerciantes da região central para que a gente busque transformar parte da região da mesma forma como fizemos na Rua Gastronômica, um projeto também de minha autoria. Precisamos atrair investimentos e incentivar a instalação de empresas, comércios e facilitar ao máximo a chegada e manutenção de bares, casas noturnas, eventos culturais e novas atividades. Da forma como está, a tendência é piorar ainda mais", explicou Zequinha Teixeira.

Apresentado nesta semana, o Projeto de Lei 230/2022 dá seus primeiros passos na tramitação habitual da Casa de Leis e ainda não tem data para ir a debate e votação no plenário. No momento, a matéria se encontra com a Procuradoria da Câmara.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

São Vicente

Cidade do litoral de SP inicia festival gastronômico com delícias à preços baixos

É a 9ª edição do evento, que conta com 50 restaurantes e mais de 100 opções de pratos e lanches

Diário Mais

Fenômeno climático La Niña chega em agosto e também atingirá o litoral de SP

Evento climático é conhecido por resfriar as águas do oceano pacífico

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter