Plataforma de moradia por assinatura, Housi chega a Santos

Na Ponta da Praia, locação 100% digital oferece imóveis mobiliados e serviços como limpeza e pay-per-view agregados

Comentar
Compartilhar
02 MAR 2021Por Da Reportagem12h40
Primeira plataforma de moradia por assinatura do mundo, a Housi lança, em março, o projeto H. Stay& Home – Ponta da PraiaPrimeira plataforma de moradia por assinatura do mundo, a Housi lança, em março, o projeto H. Stay& Home – Ponta da PraiaFoto: Divulgação

Primeira plataforma de moradia por assinatura do mundo, a Housi lança, em março, o projeto H. Stay& Home – Ponta da Praia, em parceria com a ACR Construtora e Incorporadora. Com um novo conceito de moradia, a startup levará ao consumidor toda a experiência de viver em uma Housi. As 36 unidades contarão com uma solução para locação 100% digital e sem burocracia, imóveis mobiliados e diversos serviços e facilidades agregados, como limpeza, manutenção, suporte 24hs, Netflix, IFood, personal trainer, entre outras dezenas de soluções que otimizam o dia a dia dos moradores.A entrega do empreendimento está prevista para 2024. Calcula-se um Valor Geral de Vendas (VGV) de R$28 milhões.

Além da gestão, a Housi também participou do processo de concepção dos espaços, já que o empreendimento funcionará como flagship, empreendimentos-conceito da Housi. Com isso, nas áreas comuns, o H. Stay& Home – Ponta da Praia disponibiliza piscina, sauna, skybar, louge gourmet indoor (cozinha compartilhada), lounge gourmet outside (churrasqueira compartilhada), fitness, coworking, game station, kidsplace, lavanderia, espaço delivery, bicicletário e vaga extra com ponto de carregamento para carro elétrico compartilhado.

“A localização para o empreendimento é peça fundamental para seu sucesso, pensando nisso a ACR Construtora escolheu o bairro da Ponta da Praia, em Santos para o primeiro lançamento”, explica Leonardo Padrão, CEO da ACR Grupo.

 

Locação domina desejo do público jovem

Levantamento realizado pelo Instituto de Pesquisas Sociais Políticas e Econômicas (Ipespe), em agosto de 2020, revelou que mais de 80% dos jovens, entre 16 e 24 anos, já admitem não se importarem com a compra de um imóvel. Ainda de acordo com a pesquisa, 60% dos entrevistados afirmam estar dispostos a morar em imóveis de acordo com a fase de vida, incentivados por variáveis como mudança de emprego, casamento, separação ou início de um novo curso.

O estudo corrobora o que é perceptível na prática. A pandemia acelerou estas mudanças de hábitos de consumo e de comportamento no mundo inteiro. Acompanhando a tendência de diversos aplicativos de assinatura, transporte ou delivery, a moradia como serviço tem ganhado cada vez mais força, em detrimento do sonho da casa própria e impulsionando o serviço de assinatura mensal. E, não por acaso, o investidor da Housi é um fundo de investimentos californiano - que foi o primeiro a investir na Netflix.

“O mundo hoje funciona por demanda. As pessoas não querem mais ter a posse e sim a experiência, o serviço. A Housi chegou para cumprir esse papel no mercado imobiliário, oferecendo moradia por assinatura, sem burocracia, tudo em menos de um minuto. Basta entrar no aplicativo, selecionar o plano, incluir os dados do cartão de crédito e entrar no imóvel", explica Alexandre Frankel, CEO da Housi.