X

Santos

Novos parklets serão instalados no Gonzaga e no Boqueirão

Além dos três equipamentos que já estão funcionando, mais três projetos foram aprovados e receberam autorização da Prefeitura para serem instalados

Da Reportagem

Publicado em 27/08/2018 às 16:48

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Santos passará a contar com oito parklets / Francisco Arrais/PMS

Em pouco tempo, Santos passará a contar com oito parklets. Além dos três equipamentos que já estão funcionando, mais três projetos foram aprovados e receberam autorização da Prefeitura para serem instalados. Outros dois estão em análise pela Comissão Municipal de Parklets.

Assim como os que já existem, os três autorizados serão no Gonzaga, na Rua Tolentino Filgueiras, e no Boqueirão, nas Ruas Pindorama e Minas Gerais. Os projetos foram apresentados pelo Cinza, pelo Blend Burger Bar e pelo Madê Cozinha Autoral.

Apesar da concentração inicial nos bairros do Gonzaga e do Boqueirão, de acordo com a coordenadora da Comissão Municipal de Parklets, Veridiana Nobre Lopes Teixeira, a tendência é que esse tipo de mobiliário urbano se espalhe para outros pontos da Cidade. “A comissão já está analisando mais dois projetos: um na Ponta da Praia e outro na Pompeia”.

REGRAS

Mobiliário urbano de caráter temporário e que serve para expandir o passeio público com espaço para a convivência, o parklet pode ser instalado desde que autorizado pela Prefeitura. As regras estão estabelecidas no Decreto 7.941/2017.

Antes de apresentar o projeto, o interessado deve fazer consulta pelo e-mail [email protected]. A ação serve para confirmar se no local pode ser instalado o equipamento, se a via é compatível, e se não há restrições em relação às vagas.

Instalados, os parklets devem ficar disponíveis para utilização 24h por dia, todos os dias da semana. É proibido o uso exclusivo do espaço pelo permissionário ou outros interessados. A permissão vale por um ano, podendo ser prorrogada por igual período até cinco anos.

Os parklets não podem ser instalados nas avenidas da orla ou sobre as calhas dos canais de drenagem. O mobiliário deve atender às normas de acessibilidade e resguardar as condições de drenagem da via, não interrompendo o escoamento de água e manutenção em sarjetas.

O interessado que obtiver a permissão é responsável pela confecção, instalação, manutenção e limpeza do parklet. Também pela remoção do equipamento e recomposição do logradouro.

 

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Diário Mais

Guarujá está entre os destinos turísticos mais procurados no Airbnb

Ubatuba e São Sebastião, no Litoral Norte, também estão entre as 10 cidades mais buscadas na plataforma de hospedagem

Polícia

Tarcísio nega volta da Operação Escudo após desaparecimento de PM

A informação da volta da operação tinha sido confirmada ontem pelo porta-voz da Polícia Militar, Emerson Massera

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter