Nebulização contra aedes no Gonzaga será nesta segunda

Esta será a quarta nebulização deste ano contra o Aedes, que transmite também dengue, zika e febre amarela urbana

Comentar
Compartilhar
27 FEV 2021Por Da Reportagem16h43
Para quem mora em casa, pede-se a saída da residência por 30 minutosPara quem mora em casa, pede-se a saída da residência por 30 minutosFoto: ISABELA CARRARI/PMS

Em razão da identificação de dois casos de chikungunya no Gonzaga, algumas ruas do bairro vão receber nebulização contra o Aedes aegypti segunda (1) e terça-feira (2). A aplicação do inseticida começará às 9h, e abrange as ruas Bahia, Azevedo Sodré, Tocantins, Luis Suplicy, José Caballero, Assis Corrêa, Dom Gaspar Affonseca, Tolentino Filgueiras e Clay Presgrave do Amaral.

Esta será a quarta nebulização deste ano contra o Aedes, que transmite também dengue, zika e febre amarela urbana. A aplicação do inseticida foi feita no Macuco, Estuário e Ponta da Praia. Os casos de chikungunya do Gonzaga foram identificados no dia 19 de fevereiro.

ÁREAS COMUNS 

Para orientar os moradores da área que receberá a nebulização, agentes da Seção de Controle de Vetores, da Secretaria Municipal de Saúde, estão nesta quinta-feira (25) no bairro esclarecendo dúvidas. Por ser uma área com muitos edifícios e imóveis comerciais (incluindo shopping center), o inseticida será aplicado nas áreas comuns dos endereços, tais como térreo, garagem e subsolo.

Para quem mora em casa, pede-se a saída da residência por 30 minutos, desde a aplicação do inseticida, Outros cuidados a serem tomados são: deixar portas e janelas abertas, guardar em local fechado ou manter coberto alimentos, água e utensílios domésticos, e retirar roupas do varal. Bebedouros de animais, gaiolas de passarinhos e aquários têm de estar cobertos ou guardados em locais fechados.