Integração das linhas de ônibus com VLT terá início no domingo

Dezessete linhas intermunicipais estarão aptas para baldeação que deve ser feita com cartão transporte; detalhes foram apresentados pela EMTU

Comentar
Compartilhar
14 JUN 2016Por Da Reportagem10h00
Para passageiros que saírem das linhas intermunicipais para o VLT não haverá tarifa adicional; já do VLT para os ônibus haverá diferença no valor da passagemPara passageiros que saírem das linhas intermunicipais para o VLT não haverá tarifa adicional; já do VLT para os ônibus haverá diferença no valor da passagemFoto: Matheus Tagé/DL

A partir do próximo domingo (19), 37 linhas intermunicipais estarão aptas para integração tarifária com o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT). Para acessar o benefício, o usuário deve adquirir o cartão BR Card, da concessionária que opera o sistema, nos postos de venda localizados em três municípios: Santos, São Vicente e Praia Grande. A opção não contempla a baldeação apenas entre ônibus.

O início e os detalhes da integração foram anunciados na manhã de ontem (13) pelo presidente da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU), Joaquim Lopes, na Estação Pinheiro Machado, em Santos. Das 60 linhas intermunicipais existentes na Baixada Santista, foram selecionadas 37 neste primeiro momento.

A integração será feita apenas com cartão transporte. Para passageiros que saírem das linhas intermunicipais para o VLT não haverá tarifa adicional. Já do VLT para os ônibus haverá diferença no valor da passagem. A tarifa do VLT é R$ 3,80. As dos coletivos variam entre R$ 4,15 e R$ 24,45.

Cartões

O usuário do transporte terá quatro modalidades de cartão à disposição: unitário, metropolitano, sênior, passe livre e escolar. 

O cartão unitário (com apenas uma passagem) será vendido nas lojas, pontos de venda terceirizados e nas próprias estações com as agentes, no valor integral da tarifa. O recarregável de uso pessoal, será obtido apenas por meio de cadastro nas lojas. Para fazê-lo, o cliente deve comparecer em uma das lojas credenciadas com CPF e RG. A recarga mínima para o cartão é de duas passagens. O sênior é exclusivo para usuários acima de 60 anos. Para adquiri-lo, é necessário fazer o cadastro pela internet. A retirada do cartão é feita em uma das lojas credenciadas.

Já o passe livre e o escolar, voltados aos estudantes da região para obter o benefício de desconto, deve ser solicitado no site da EMTU, da mesma forma que os pedidos de passes para ônibus intermunicipais.

Mais informações sobre a integração, linhas e estações do VLT estão disponíveis no site www.brmobilidadebs.com.br.