X

VIOLÊNCIA NA REGIÃO

Homem de 36 anos é o 19º morto pela PM em ação na Baixada Santista

Segundo a Secretaria da Segurança Pública, o suspeito não atirou contra os policiais, mas resistiu a ordem de parada

Folhapress

Publicado em 11/02/2024 às 15:18

Atualizado em 11/02/2024 às 15:24

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Viaturas e motocicletas da PM de São Paulo / Divulgação/Governo de SP

Um homem de 36 anos foi morto por policiais militares na tarde de sábado (10) na avenida Martins Fontes, em Santos, na Baixada Santista.

Segundo a SSP (Secretaria da Segurança Pública), o suspeito não atirou contra os policiais, mas resistiu a ordem de parada.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Com o caso, sobe para 19 o número de pessoas mortas durante confrontos com policiais militares no litoral paulista desde a morte do soldado da Rota Samuel Wesley Cosmo, 35, na noite de sexta-feira (2), durante patrulhamento em uma favela de palafitas na periferia de Santos.

Conforme a pasta, policiais militares haviam recebido uma denúncia de que um homem envolvido com uma facção criminosa estaria transportando armas em um Jeep Compass.

Os policiais então localizaram o veículo e teriam dado ordem para o condutor parar. O motorista teria jogado o carro contra a viatura, o que fez com que os policiais atirassem, segundo o relato.

O homem foi baleado e socorrido para a Santa Casa, onde não resistiu aos ferimentos e morreu. Na ação, foi apreendido um fuzil 556.

De acordo com a SSP, a perícia foi acionada e todas as circunstâncias dos fatos serão apuradas.

A Secretaria da Segurança Pública afirmou que o homem morto tinha passagens por associação criminosa e tentativa de homicídio.

Ainda em Santos, dois homens morreram durante um suposto confronto com policiais militares na noite de sexta-feira (9), no morro São Bento.

Segundo nota da SSP (Secretaria da Segurança Pública), policiais militares que participam da Operação Verão, nome dado às ações no litoral, patrulhavam a região, quando viram homens armados e com uma mochila e uma sacola.

Instante depois, ainda de acordo com a pasta, um grupo atirou contra os policiais, que reagiram. Dois homens, de 37 e 36 anos, foram baleados e levado à Santa Casa da cidade.

Os policiais disseram que encontraram com eles uma pistola semiautomática e um revólver, além de dinheiro, droga, dois radiotransmissores, um celular e papéis com a contabilidade do tráfico.

As armas utilizadas pelos PMs foram apreendidas.

Em nota, a pasta da segurança informou que 569 pessoas foram detidas, entre elas 206 procurados pela Justiça durante a Operação Verão. "Todos os casos são rigorosamente investigados pela 3ª Delegacia de Homicídios da Deic de Santos, com o acompanhamento do Ministério Público e do Poder Judiciário".

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Acumulou de novo! Prêmio da Mega-Sena chega a R$ 120 milhões

O concurso do último sábado (24) não teve ganhadores; próximo sorteio será realizado na terça-feira (27)

Política

Com ato na Paulista, Bolsonaro quer demonstrar força política contra investigações

Ex-presidente quer apresentar que ainda tem apoio popular; aliados pediram para Bolsonaro medir as palavras em manifestação

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter