X
CULTURA

Em Santos, associação não recomenda realização de desfiles de bandas de carnaval

As mudanças são realizadas após o avanço da variante Ômicron do Covid-19 e da chegada da H3N2

O anúncio feito pela administração do prefeito Rogério Santos acontece quase ao mesmo tempo que outras grandes metrópoles do Estado de São Paulo e do restante do Brasil também decidem cancelar o carnaval de rua / Francisco Arrais/PMS

Após as bandas de rua de carnaval de Santos terem sido vetadas pela Administração Municipal de realizarem suas atividades em fevereiro devido à pandemia de Covid-19, a Associação das Bandas Carnavalescas de Santos emitiu um comunicado onde diz concordar com a medida adotada pela Prefeitura e afirma que o momento não permite a realização das tradicionais festividades. Apesar disso, os desfiles das escolas de samba no Sambódromo Passarela do Samba "Dráuzio da Cruz" seguem autorizados.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

O anúncio feito pela administração do prefeito Rogério Santos acontece quase ao mesmo tempo que outras grandes metrópoles do Estado de São Paulo e do restante do Brasil também decidem cancelar o carnaval de rua, que deveria ser realizado entre a última semana de fevereiro e a primeira semana de março.

As mudanças são realizadas após o avanço da variante Ômicron do Covid-19 e da chegada da H3N2, novo vírus influenza que está circulando pelo país ao mesmo tempo da pandemia e gerando altos números de ocupações de leitos em unidades de saúde em todo o Brasil.

Confira a seguir o anúncio, na íntegra, emitido pela Associação das Bandas Carnavalescas de Santos.

“A Associação das Bandas Carnavalescas de Santos agradece o empenho do Poder Executivo e Legislativo do município de Santos na tentativa de viabilizar que nosso carnaval 2022 fosse realizado sem circulação e com controle de acesso a fim de garantir segurança sanitária.

Entretanto, tendo em vista o aumento exponencial de casos de covid-19 por força da variante ômicron, a associação vem informar que reconhece estarmos diante de um momento de total insegurança sanitária e que está recomendando a todas as suas bandas filiadas que não realizem, em hipótese alguma, o carnaval de rua.

Aproveitamos para informar a toda sociedade santista que também acreditamos na ciência e que estamos a disposição para ajudar no que for possível no combate ao covid-19 e na ajuda humanitária aos necessitados vitimados por qualquer tragédia.

Até o carnaval de 2023, todos juntos com muito trabalho, disciplina, alegria, paz, saúde e prosperidade”.
 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Guarujá

Workshop sobre de gestão portuária e empresarial acontece na quinta-feira (30)

As inscrições podem ser realizadas até a próxima segunda-feira (27); haverá certificação internacional para os participantes

Litoral Norte

Inverno quente no Circuito Litoral Norte de São Paulo: atrativos e eventos agitam a temporada

Mesmo durante a estação mais fria do ano, as cinco cidades continuam formando um dos principais destinos do estado para curtir a natureza

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software