X
Santos

Curso de defesa pessoal para mulheres terá 50 participantes em Santos

Iniciativa visa ensinar técnicas de defesa pessoal para prevenir e evitar abusos e possíveis agressões

As aulas serão ministradas por Fábio Abreu, professor de caratê da Semes, e Allane Pinheiro, ex-atleta de muay thai e brazilian jiu jitsu / Raimundo Rosa/PMS

Mulheres cis, trans e com deficiência participam, no próximo dia 9, na Arena Santos (Vila Mathias), do curso 'Eu me defendo', promovido pela Prefeitura de Santos com o objetivo de ensinar técnicas de defesa pessoal para prevenir e evitar abusos e possíveis agressões a este público. Essa é a 10ª turma da capacitação, iniciada em 2019, e contará com 50 participantes.

Com duração de quatro horas, a iniciativa é da Secretaria de Governo (Segov), por meio das coordenadorias de Políticas para a Mulher, de Diversidade e de Políticas para as Pessoas com Deficiência, em parceria com a Secretaria de Esportes (Semes). Será ministrada por Fábio Abreu, professor de caratê da Semes, e Allane Pinheiro, ex-atleta de muay thai e brazilian jiu jitsu.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp: https://bit.ly/diariodolitoral
Mantenha-se bem informado.

"O curso ensina técnicas para que a mulher possa impedir uma agressão e consiga se desvencilhar de um possível ataque ou abuso sexual. As participantes aprendem a como reagir a um puxão de cabelo ou a uma pretensa violência sexual, por exemplo", explica a coordenadora de Políticas para a Mulher, Diná Ferreira Oliveira, ressaltando que outra turma será capacitada em novembro, no Centro Esportivo da Zona Noroeste.

 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Brasil

Para o Natal: bolo de bolacha da Ana Maria Braga vira febre na internet; veja a receita

A sobremesa rende até 11 porções

Brasil

Governo: Mário Frias contrata por quase R$ 4 milhões empresa sem licitação e sem funcionários

A sede da empresa seria uma caixa postal em um escritório virtual a 2.400 km do Rio de Janeiro

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software