Começam no dia 8 inscrições para o transporte escolar gratuito em Santos

O estudante atendido pelo transporte escolar oferecido pela Seduc, ou beneficiado pelo passe livre, fornecido pela EMTU, não terá direito ao cartão de transporte escolar gratuito

Comentar
Compartilhar
04 JAN 2018Por Da Reportagem14h00
Serão abertas no próximo dia 8 as inscrições de alunos da rede municipal para o recebimento do transporte escolar gratuitoFoto: Susan Hortas

Serão abertas no próximo dia 8 as inscrições de alunos da rede municipal para o recebimento do transporte escolar gratuito. O atendimento será na Secretaria de Educação (Praça dos Andradas, 31, Centro), de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 15h. As informações constam de portaria publicada na edição desta quarta-feira (3), do Diário Oficial.

Para obter o benefício, o aluno deve estar matriculado em unidade municipal de educação infantil ou de ensino fundamental, ou ainda entidade subvencionada de educação infantil, localizada a mais de dois quilômetros de sua residência, ou acima de 500 metros (morros). O estudante matriculado no ensino fundamental em escolas estaduais poderá receber o benefício do cartão mediante convênio entre o Estado de São Paulo e o município.

Pais ou responsáveis pelo aluno interessado em obter o cartão devem apresentar a seguinte documentação (original e cópia): declaração de matrícula emitida pela unidade municipal em que o estudante esteja matriculado em 2018 ou pela entidade subvencionada com o número do R.A; certidão de nascimento ou cédula de identidade (RG) do aluno; cadastro de pessoa física (CPF) do aluno; cédula de identidade do responsável (RG); requerimento de transporte deferido pela direção, no caso de alunos de escolas estaduais e comprovante de residência em Santos em nome dos responsáveis.

O estudante atendido pelo transporte escolar oferecido pela Seduc, ou beneficiado pelo passe livre, fornecido pela EMTU, não terá direito ao cartão de transporte escolar gratuito. A relação dos contemplados e negados será publicada no Diário Oficial, tendo o responsável acesso às razões do indeferimento. Após publicação, o munícipe terá até 10 dias úteis para se manifestar por escrito sobre a decisão ou solicitar desarquivamento do processo.