X
Santos

Chuvas em Santos devem permanecer no fim de semana

De acordo com o alerta da Marinha, as rajadas de vento podem chegar a até 75km/h

chuva / Nair Bueno/Diário do Litoral

O sol forte dos últimos dias dará lugar a chuva intensa, ventos fortes, maré alta e ressaca entre o final desta quinta-feira (27) e domingo (30). A mudança ocorre devido à chegada de uma frente fria à região vinda do Sul do País. A previsão é de que as chuvas comecem já no  final desta quinta. A situação se intensifica na  sexta-feira (28), quando o tempo estará mais instável, com risco de pancadas de chuva forte, acompanhadas de raios e intensificação dos ventos.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

O final de semana também será de chuva persistente e volumosa, segundo o serviço de meteorologia da Defesa Civil de Santos. De acordo com o alerta da Marinha, as rajadas de vento podem chegar a até 75km/h.

"O mar estará agitado, vai ter maré elevada e tem ainda a questão do vento. É importante que as pessoas tomem cuidado. Não fiquem debaixo de árvores, de prédios onde possam cair objetos ou de edifícios em construção. Também devem ficar atentas aos raios. Viu o tempo mudar, não se deve ficar em locais abertos como praias, campos de futebol e nem debaixo de árvores ou rede elétrica", avisa o  chefe de Defesa Civil Municipal, Daniel Onias.

Já o mar fica agitado a partir de sexta e as ondas podem variar entre 1,6m e 2,3m na região da baía de Santos até domingo, com pico da maré na madrugada de sábado (29).

Com relação ao nível do mar, a maré poderá ultrapassar 1,8m na baía de Santos e 1,9m no interior do estuário por volta de 2h de sábado - um aumento de 60cm em relação à tábua de marés.

"O tempo começa a melhorar somente a partir do início da próxima semana. Segunda-feira (31) ainda deve chover, mas em menor quantidade", explica o meteorologista da Defesa Civil, Franco Cassol.

De acordo com o Plano Municipal de Contingência para Ressacas e Inundações de Santos, o estado é de Atenção devido à previsão de ondas elevadas. Também não está descartada a possibilidade de alagamentos devido à chuva volumosa, que podem ser agravados principalmente nos períodos de maré alta e mar agitado. 

"Se o acumulado for muito alto, há risco de deslizamento. Mas essas chuvas podem causar alagamentos, queda de árvores, de galhos, por exemplo", acrescenta Onias.

Segundo o  chefe de Defesa Civil é importante que o munícipe faça o cadastro para receber os alertas sobre a previsão do tempo, que são enviados por SMS. Para se inscrever, basta enviar mensagem para o número 40199, informando o CEP da sua rua. Em caso de emergência, acione a Defesa Civil Municipal pelo 199.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Mundo

Turquia acerta apoio à entrada da Suécia e da Finlândia na Otan

A resistência turca era a principal deste que é um dos grandes efeitos colaterais geopolíticos da invasão russa da Ucrânia

Emprego

Sest Senat oferece vaga para Instrutor de Trânsito e Técnico de Formação em Máquinas Pesadas

As inscrições já estão abertas e acontecem até o dia 12 de julho

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software