X
Santos

CET: programa de educação já atendeu quase 10 mil pessoas neste ano

Estudantes de escolas públicas e particulares constituem o principal alvo do programa

Estudantes de escolas públicas e particulares constituem o principal alvo do programa / Raimundo Rosa/PMS

O Programa de Educação para o Transito da CET-Santos já registra quase 10 mil pessoas atendidas nas atividades desenvolvidas apenas neste ano. O balanço parcial fechado com os números até o início deste mês mostra 9.977 participantes em palestras, cursos e outras ações promovidas visando à conscientização por mais segurança no trânsito.

Estudantes de escolas públicas e particulares constituem o principal alvo do programa. Em unidades de ensino fundamental, 5.770 assistiram às palestras com a equipe do programa. Já a apresentação teatral voltada à educação infantil foi acompanhada por 3.075 alunos. Objetivo do trabalho com o público estudantil é também formar multiplicadores da informação.

As palestras em empresas e instituições em geral reuniram 517 participantes e nos grupos de terceira idade foram 139 espectadores. As ações dão ênfase a normas básicas para transitar de forma segura por ruas e avenidas.
CURSOS

O mesmo é feito nos cursos de reciclagem para ciclistas e de qualificação para motoristas profissionais, com conteúdos que incluem legislação de trânsito, além de temas complementares como cidadania.

Até o momento, 119 usuários de bike fizeram o curso, enquanto que a capacitação para motoristas foi aplicada a 357 condutores interessados em trabalhar como taxista, condutor de transporte escolar ou de autolotação.

O trabalho educativo se desenvolve também na prática, nas ruas, por meio do Programa Faixa Viva, com ações realizadas diariamente, e campanhas diversas promovidas ao longo do ano.

 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Mulher encontrada em decomposição em São Vicente será sepultada nesta terça-feira

Corpo foi encontrado pelo filho da vítima na última segunda-feira (6) em um condomínio da Vila Voturuá

Educação

Organização cria miniflorestas em escolas públicas com apoio da prefeitura de São Paulo

A entidade formigas-de-embaúba realiza o plantio participativo de Mata Atlântica com estudantes, além de oferecer formação on-line a professores para projetos de educação ambiental

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software