X
Santos

Bolão da Mega: Premiados faltam ao trabalho; caso pode parar na polícia

Os premiados estão assustados após o vazamento de uma lista com os nomes e números de telefones dos vencedores e alguns estão pensando em procurar a polícia

Ganhadores do último concurso da Mega-Sena, que fizeram um bolão na empresa onde trabalham, em Santos, não compareceram ao trabalho nesta segunda-feira (4).

Segundo informações de um funcionário que desistiu de participar da aposta e se arrependeu, os colegas estão assustados após o vazamento de uma lista com os nomes e números de telefones dos vencedores e alguns estão pensando em procurar a polícia.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

A confusão começou quando 44 funcionários de uma empresa de logística, que atua no Porto de Santos, participaram de um bolão premiado, acertando as seis dezenas do último concurso da Mega-Sena, cujo resultado saiu no sábado (2). Cada um deles irá receber R$ 2.786.981,10.

A notícia do bolão vencedor em Santos se espalhou rapidamente. A aposta foi realizada numa lotérica no bairro da Vila Mathias, região central do município. No domingo (3), uma lista com os nomes e alguns números de telefones dos vencedores foi publicada nas redes sociais e em grupos de WhatsApp, causando uma enorme confusão entre os ganhadores e colegas da empresa. Após algum tempo, as postagens acabaram sendo removidas.

Um funcionário ouvido pelo UOL disse que já imaginava que muitos dos vencedores não iriam comparecer à empresa esta semana, principalmente por conta do vazamento da lista.

Ele conta que os colegas começaram a receber mensagens e ligações de pessoas estranhas e se sentiram intimidados. Muitos deletaram os perfis que mantinham no Facebook e no Instagram.

Nas redes sociais, os internautas começaram a especular sobre quem seriam os 44 felizardos e fizeram posts ironizando a abertura de vagas de emprego na empresa por conta dos novos milionários. Outros fizeram chacota das pessoas que não quiseram participar do bolão e acabaram ficando sem o prêmio.

"Começaram a expor os ganhadores nas redes e no WhatsApp. Não sabemos quem fez isso, não sei se foi por inveja, frustração. Um colega disse para mim que ia procurar a polícia e que outros que tiveram os nomes e telefones vazados na lista também iam fazer o mesmo. Soube de outra colega que iria entrar em contato com as redes para tentar identificar quem vazou a lista."

Segundo informou o setor de Loterias da Caixa Econômica Federal, em Brasília, 23 dos 44 ganhadores já iniciaram ontem mesmo o processo de resgate dos valores. Os números sorteados foram 22-35-41-42-53-57.

Decepção e choro

Segundo o funcionário, alguns colegas teriam ficado arrasados por não terem participado do bolão. "Teve gente chorando, xingando. Eu também me arrependi de não ter entrado, mas acho absurdo terem vazado os nomes e telefones dos colegas. Quando envolve dinheiro, o ser humano é capaz de tudo".

O colaborador diz que, apesar do assunto ser o tema da semana na firma, os colegas querem ter a privacidade preservada. "Ninguém quer se identificar. Nem quem ganhou e nem quem deixou de ganhar. Eu sei de alguns porque conheço. Mas tem gente de vários setores que participou", afirmou.

Procurada, a empresa portuária afirmou que não se pronunciará sobre o caso, por se tratar de um assunto de foro particular.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

ELEIÇÕES 2022

Haddad lidera em SP com 29%, Tarcísio tem 12% e Rodrigo, 9%, aponta pesquisa

A pesquisa, contratada pela TV Globo, foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o número SP-04035/202

Tecnologia

iFood e Tinder criam loja no app e brincam com 'levar bolo' no Dia dos Solteiros

Os bolos podem ser personalizados com frases como "Assim com o bolo que eu gosto", "Esse é o bolo que eu quero", "De: eu, Para: mim" e "Manda bolo de agora?"

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software