Polícia Militar liberta refém na entrada de Santos; um ladrão morre em troca de tiros

Três assaltantes, também baleados, foram presos e internados; o tiroteio, na noite desta quarta-feira (8), assustou pessoas que estavam na região da entrada da cidade

Comentar
Compartilhar
08 AGO 2018Por Gilmar Alves Jr.22h48
Roubo a residência terminou em tiros e perseguição em Santos.Roubo a residência terminou em tiros e perseguição em Santos.Foto: Reprodução

A Polícia Militar libertou na noite desta quarta-feira (8) uma refém, vítima de roubo a residência, que era levada em seu carro, um Honda HR-V, por quatro bandidos em Santos. Um ladrão morreu no local. 

Um cerco foi realizado na Avenida Martins Fontes, no Saboó, e houve troca de tiros com os ladrões já fora do carro. 

Um deles morreu no local e outros três, também baleados, foram levados para a Santa Casa de Santos. O estado de saúde de um deles é gravíssimo, segundo a PM. Uma policial militar ficou ferida na mão por um estilhaço de vidro após disparos na viatura. 

Casa no Boqueirão
De acordo com informações divulgadas pela Polícia Militar, a casa da vítima fica na Rua Acácio Nogueira,  no Boqueirão. Dois ladrões ficaram do lado de fora, enquanto outros dois entraram na moradia e a dominaram. Até a conclusão do texto, não havia informações sobre mais pessoas que tivessem sido rendidas no ­i­móvel. 

O carro foi conduzido pelos bandidos até a Avenida Mário Covas (Perimetral), quando foi flagrado pela Polícia Militar. 

 

Houve acompanhamento até a Rua João Pessoa e foi planejado um cerco na entrada de Santos para impedir a fuga. 

O tiroteio assustou pessoas que passavam pela entrada da cidade.  Ao comentar uma postagem sobre o caso na página do Facebook “Viver em Santos e Região”, um homem escreveu que tiroteio ocorreu na frente dele, enquanto estava parado em um semáforo. “Cena de filme”, afirmou.

O registro do caso na Central de Polícia Judiciária (CPJ) avançará na madrugada.