Praia Grande: Sead e Gabinete apresentam metas à Secretaria de Governo

Secretaria de Governo é responsável por acompanhar o cumprimento das metas de todas as pastas

Comentar
Compartilhar
09 ABR 2021Por Da Reportagem13h55
Durante o encontro, o destaque foi o trabalho da Cidadania, que mesmo diante da fase emergencial do Plano SP, tem cumprido a função de ouvir as reivindicações dos munícipes e intermediar o contato entre população e prefeituraDurante o encontro, o destaque foi o trabalho da Cidadania, que mesmo diante da fase emergencial do Plano SP, tem cumprido a função de ouvir as reivindicações dos munícipes e intermediar o contato entre população e prefeituraFoto: Divulgação/Prefeitura de Praia Grande

Neste semana, a Secretaria de Governo (Seg) realizou duas reuniões de acompanhamento de metas do Plano de Governo. Representantes das secretarias de Administração e Gabinete apresentaram o andamento dos trabalhos e as próximas ações das pastas.

A primeira reunião, na terça-feira (6), avaliou o andamento das metas da Secretaria de Administração (Sead) e tratou de temas como as propostas em benefícios dos servidores, como plano de carreira e ambulatório do servidor. Esta foi a segunda vez que a Sead apresentou as principais metas em andamento.

Segundo o secretário de Governo, Cássio Navarro, embora a Administração municipal de Praia Grande esteja focada em ações de prevenção e combate à pandemia da covid-19, o acompanhamento de metas não pode parar. “A Prefeitura tem uma programação de metas a cumprir neste e nos próximos anos e mesmo com a pandemia, nenhuma proposta foi deixada de lado, todas continuam fazendo parte do Plano de Governo, estamos apenas priorizando algumas com as necessidades impostas pela covid-19”.

Na quarta-feira (7), a reunião na Seg contou com representantes das subsecretarias vinculadas ao Gabinete (Gab), como a Subsecretaria de Comunicação e a Subsecretaria de Assuntos da Cidadania.

Durante o encontro, o destaque foi o trabalho da Cidadania, que mesmo diante da fase emergencial do Plano SP, tem cumprido a função de ouvir as reivindicações dos munícipes e intermediar o contato entre população e prefeitura.

O secretário de Governo completou: “Com a pandemia, alguns setores se reinventaram e adaptaram atendimentos à população, e esse também foi o caso da Cidadania. Visitas e vistorias nos bairros ocorreram com um volume menor, devido às restrições, mas os contatos com moradores e associações de bairro seguiram normalmente via telefone ou mensagem”.