X
Região

Polícia descobre casa de prostituição com menor de idade em Praia Grande

Um homem que se dizia gerente do local confessou que o estabelecimento se tratava de uma casa de prostituição, mas que não sabia que a jovem era menor de idade

Polícia descobre casa de prostituição com menor de idade em Praia Grande / Foto: Divulgação

Uma casa de prostituição foi descoberta por policiais civis na noite desta quarta-feira (25), em Praia Grande. Os agentes identificaram seis garotas de programa no imóvel, sendo uma delas menor de idade. Um homem procurado pela Justiça também estava no local.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

O flagrante foi constatado pela equipe do 1.º Distrito Policial de Praia Grande, conduzida pelo Dr Alex Mendonça do Nascimento e o Dr. Angel Gomes Martinez.

Os policiais estavam em diligências quando receberam a informação de uma casa de prostituição funcionando na Rua Monteiro Lobato, no bairro Cidade Ocian. Os agentes foram até o local e realizaram a campana.

Conforme consta no boletim de ocorrência, os policiais viram um homem chegar no local. Eles se dirigiram a residência logo em seguida, onde foi explicado por um indivíduo como estabelecimento funcionava.

No domicílio, que tinha piscina, postes de pole dance e sinuca, seis garotas de programa foram encontradas, uma delas com 17 anos. Um homem que se dizia gerente do local confessou que o estabelecimento se tratava de uma casa de prostituição, mas que não sabia que a jovem era menor de idade.

Uma máquina de cartão, além de panfletos do estabelecimento e comandas de serviço foram apreendidas. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia de Praia Grande.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Polícia Civil prende acusado de assalto em São Vicente

O crime aconteceu em 2017 e o suspeito estava foragido até a sua prisão, nesta quarta-feira (10)

GASTRONOMIA

Conheça 5 restaurantes para provar comidas do Oriente Médio em SP

Uma nova geração de restaurantes árabes que tem dado o que falar

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software