X

Praia Grande

PG recebe pacientes da Residência Terapêutica de SP que veem o mar pela primeira vez

Sesap acolheu os visitantes e deu assistência durante o passeio

Da Reportagem

Publicado em 06/03/2023 às 13:42

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

A ideia de descer a Serra do Mar rumo ao litoral paulista buscou oferecer um momento totalmente distinto para eles / Divulgação/Prefeitura de PG

Os moradores do Serviço Residencial Terapêutico (SRT) M’Boi Mirim II,  da zona sul de São Paulo, tiveram uma experiência incrível na sexta-feira (3). Pacientes com distúrbios mentais diversos, oito deles  puderam vir até Praia Grande, sendo que alguns conheceram o mar pela primeira vez. A passagem pela Cidade contou com a atuação da Secretaria de Saúde Pública (Sesap) praia-grandense, que deu toda a assistência necessária para os pacientes e profissionais durante a visita.

As pessoas que moram nesse tipo de Residência Terapêutica possuem esquizofrenia, transtorno mental, depressão, entre outros distúrbios mais acentuados, e necessitam de cuidados intensivos e permanentes. Para o dia a dia são oferecidas diversas atividades na casa além da terapia. Mas a ideia de descer a Serra do Mar rumo ao litoral paulista buscou oferecer um momento totalmente distinto para eles.

“A gestão da Residência Terapêutica está sempre procurando atividades  externas para que eles não fiquem apenas na casa. Então hoje foi um  dia de lazer diferente, um passeio bem agradável. Eles gostaram  bastante, se divertiram com o pessoal. Muitos deles é a primeira vez que estão conhecendo o mar, então, está sendo bem bacana”, afirma  Denis Cleiton Corrêa, cuidador do SRT M’Boi Mirim II.

A equipe da Sesap atendeu a uma solicitação da Secretaria Municipal da  Saúde de São Paulo, a partir dos profissionais da assistência social que atuam junto à Residência Terapêutica. Os profissionais da rede  municipal praia-grandense ofereceram o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (Caps AD III), no Bairro Boqueirão, como ponto de  apoio para os pacientes e funcionários.

No local os pacientes puderam armazenar os medicamentos e também fazer  suas refeições, oferecidas pela própria unidade, além da oferta de banho e descanso antes da volta para casa. Foi solicitada ainda  autorização junto aos órgãos competentes para a circulação da van no Município.

“Nós viabilizamos um local adequado para recebê-los e possibilitar que  eles pudessem fazer essa visita ao mar. Essa troca é muito importante para eles, até para poder unir ainda mais a equipe que cuida desses  pacientes em um momento de confraternização. E nós da Sesap estamos à disposição para proporcionar essa e outras visitas aos colegas e  pacientes de outras cidades”, afirma a diretora do Departamento de  Atenção Especializada da Sesap, Alessandra da Mota.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Adolescente mata pais a martelada e ateia fogo no quarto

O crime teria ocorrido após uma discussão da família

Cotidiano

Prédio é invadido e roubado novamente em Santos; ASSISTA

Eles levaram a bicicleta de uma moradora do prédio

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter