X

Praia Grande

Família faz vaquinha para custear cirurgia de adolescente

Operação e cuidados médicos para retirada de tumor talâmico chegam a R$ 330 mil

Igor de Paiva

Publicado em 11/01/2024 às 08:00

Atualizado em 11/01/2024 às 11:42

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Fabiana explica que a vida de  Enzo, até os seus 11 anos, era completamente normal / arquivo pessoal

No meio do caos de ver seu filho único viver uma situação delicada por conta de uma doença grave, Fabiana decidiu compartilhar a história de superação e de batalha do jovem Enzo, de 16 anos, diagnosticado com um tumor talâmico grau 1 há cinco anos. Agora, o menino pede ajuda por meio de uma vaquinha virtual para realizar uma cirurgia que pode mudar sua vida.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado. 

Fabiana explica que a vida de  Enzo, até os seus 11 anos, era completamente normal. Ele tinha rotina de escola, atividades físicas, lazer e tudo que uma criança tão esperada e aguardada pela família precisava. No entanto, algum tempo depois a grande reviravolta da vida dele apareceu. 

Foi nessa idade que o pequeno começou a reclamar constantemente de dores de cabeça. Em uma ocasião,  durante um passeio para São Paulo, ele explicou que só conseguiu ficar no ônibus por conta do mal estar na região do corpo. 

Após idas a diversas unidades hospitalares, Fabiana decidiu levá-lo ao médico especializado na mesma clínica onde ela era atendida. Em uma conversa desesperadora, o médico explicou que o seu filho tinha um pequeno tumor. 

“Me chamaram numa salinha para pegar o exame dele, mas eu expliquei que não era o dia certo, mas explicaram que eles estavam com ele em mãos e que eu precisava levar ele em um médico. Perdi o controle de mim. Um outro médico falou: ‘Mãe, seu filho está com um tumorzinho e precisa operar’. Ali meu mundo caiu”, afirma. 

Já no dia seguinte, a família conheceu o médico que cuida de seu caso até hoje. Na ocasião, foi descoberto que a razão de suas dores era por conta de uma hidrocefalia, que fazia pressão em sua cabeça. 

Com uma cirurgia para lidar com esse problema e uma biópsia realizada para detectar a espécie do tumor, Enzo ficou com uma sequela que o fez ter tremores na mão direita quando ele ficava nervoso, além de atrapalhar um pouco seus movimentos com uma das pernas e um dos braços. 

Após a recuperação, o tratamento indicado era sem o uso de medicação e com um acompanhamento a cada seis meses.

Quem quiser, pode doar para a vaquinha Unidos pelo Enzo. Transfira usando a chave Pix [email protected] ou contribua pelo site do Vakinha: https://www.vakinha.com.br/4360698.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Suspeitos de lavagem de dinheiro para o PCC são presos em Praia Grande

Segundo investigações, o trio comandava um esquema de fraudes para lavar dinheiro do tráfico de drogas, utilizando imóveis e contas em bancos digitais

Esportes

O futebol continua! Veja os campeonatos que não terão paralisação

Times gaúchos estão envolvidos nos principais torneio do futebol brasil

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter