Skaf conversará com Calheiros para defender avanço do projeto da terceirização

"Temos uma batalha por vez. Primeiro vamos aprovar aqui na Câmara e depois começaremos uma nova maratona no Senado", afirmou

Comentar
Compartilhar
22 ABR 201516h52

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, afirmou hoje que vai negociar o projeto que regulamenta e amplia a terceirização com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), após a aprovação do projeto na Câmara. Calheiros afirmou hoje ser contrário ao projeto.

"Temos uma batalha por vez. Primeiro vamos aprovar aqui na Câmara e depois começaremos uma nova maratona no Senado", afirmou Skaf, que está desde cedo na Câmara dos Deputados negociando com as bancadas do PMDB, do PSDB e do DEM o projeto, que conta com apoio irrestrito dos empresários.

"Todos os conhecimentos que ele (Renan Calheiros) precisar ter sobre o projeto ele terá. Quando ele perceber que a lei é boa para as empresas e para os trabalhadores, ele vai mudar de opinião", disse Skaf, que reforçou: "mas antes precisamos aprovar na Câmara, essa é a prioridade".

Paulo Skaf conversará com Renan Calheiros para defender o avanço do projeto da terceirização (Foto: Divulgação/PMTS)